Loading...
Loading...
Loading...
Loading...

UBE

Loading...
Loading...

Rosas pra você

Loading...

online

Loading...

ELE É...O MEU DEUS DO IMPOSSÍVEL...

Loading...

terça-feira, 31 de agosto de 2010

ORAR?


“Sabei que o Senhor separou para si aquele que é piedoso; o Senhor me ouve quando eu clamo a ele.” Salmos 4:3

Quem sente prazer em Orar?

· Os que buscam sinceramente a Deus.

· Os que esperam confiantemente em Deus.

· Os que voltam o coração para Deus.

· Os que têm Fé.

· Os que temem a Deus.

· Os que obedecem a Deus.

· Os que são achados justos.

O que acontece enquanto o cristão Ora?

Enquanto Jesus Orava, transfigurou-se. (Marcos 9:2)

Enquanto Paulo Orava, Deus abriu o cárcere. (Atos 16:26)

Enquanto Pedro Orava, Deus ouviu e o coxo foi curado. (Atos 3:6)

Enquanto a igreja Orava, Deus libertava Pedro. (Atos 12:11)

Enquanto Josué Orava, o pecado de Acã foi descoberto. (Josué 7:20)

Enquanto Ana Orava, Deus provia um filho. (I Samuel 1:20)

Enquanto Elias orava, Deus enviava fogo do céu. (II Reis 1:10)


Enquanto aguardamos a resposta das Orações:

Tenhamos o propósito de glorificar a Deus.

Tenhamos fé e jamais duvidemos.

Tenhamos absoluta confiança e não nos desesperemos.

Tenhamos convicção que Deus está conosco.

Tenhamos perseverança e assim triunfaremos.

Tenhamos paciência, os santos do passado assim venceram.

Tenhamos autoridade para contemplarmos a bênção.

A vida de Oração de Jesus:

Jesus Orou antes de ir trabalhar.

Jesus Orou antes de ir à cruz.

Jesus Orou depois de ir à cruz.

Jesus ensinou os discípulos a Orar.

Jesus deu um exemplo especial de Oração.

Jesus ensinou a Oração aos seus discípulos.

Jesus Orou antes de escolher seus discípulos.

Jesus Orou por fé em seus discípulos.

Jesus Orou para seus discípulos serem guardados.

Jesus Orou para seus discípulos serem guardados em harmonia.

Jesus Orou para que seus discípulos participassem da glória.

Jesus Orou para alegria de seus discípulos.

Jesus Orou dando exemplo para seus discípulos.

Deus responde as Orações:

De Abraão e lhe dá um filho.

De Moisés e abre o Mar Vermelho.

De Elias e manda fogo sobre o altar.

De Jonas e o liberta do peixe.

De Ana e lhe dá filhos.

De Salomão e lhe dá sabedoria.

De Ezequias e lhe concede mais anos de vida.

De Daniel acerca das coisas do porvir e o livra da boca dos leões também.

Dos três hebreus e livra-os do fogo.

De Pedro e salva e cura.

Orar é:

Confessar.

Clamar.

Esperar.

Derramar.

Interceder.

Pedir.

E principalmente agradecer.

“Agora, pois, permanecem a fé, a esperança e o amor, estes três, porém o maior destes é o amor”(1 Coríntios 13:13).

Colaboração de Um Amigo de Deus Luiz Carlos Padim Junior

SALMO 117


1 Louvai ao Senhor todas as nações, exaltai-o todos os povos.

2 Porque a sua benignidade é grande para conosco, e a verdade do Senhor dura para sempre. Louvai ao Senhor.

SALMO 116


1 Amo ao Senhor, porque ele ouve a minha voz e a minha súplica.

2 Porque inclina para mim o seu ouvido, invocá-lo-ei enquanto viver.

3 Os laços da morte me cercaram; as angústias do Seol se apoderaram de mim; sofri tribulação e tristeza.

4 Então invoquei o nome do Senhor, dizendo: Ó Senhor, eu te rogo, livra-me.

5 Compassivo é o Senhor, e justo; sim, misericordioso é o nosso Deus.

6 O Senhor guarda os simples; quando me acho abatido, ele me salva.

7 Volta, minha alma, ao teu repouso, pois o Senhor te fez bem.

8 Pois livraste a minha alma da morte, os meus olhos das lágrimas, e os meus pés de tropeçar.

9 Andarei perante o Senhor, na terra dos viventes.

10 Cri, por isso falei; estive muito aflito.

11 Eu dizia na minha precipitação: Todos os homens são mentirosos.

12 Que darei eu ao Senhor por todos os benefícios que me tem feito?

13 Tomarei o cálice da salvação, e invocarei o nome do Senhor.

14 Pagarei os meus votos ao Senhor, na presença de todo o seu povo.

15 Preciosa é à vista do Senhor a morte dos seus santos.

16 ó Senhor, deveras sou teu servo; sou teu servo, filho da tua serva; soltaste as minhas cadeias.

17 Oferecer-te-ei sacrifícios de ação de graças, e invocarei o nome do Senhor.

18 Pagarei os meus votos ao Senhor, na presença de todo o seu povo,

19 nos átrios da casa do Senhor, no meio de ti, ó Jerusalém! Louvai ao Senhor.

SALMO 115


1 Não a nós, Senhor, não a nós, mas ao teu nome dá glória, por amor da tua benignidade e da tua verdade.

2 Por que perguntariam as nações: Onde está o seu Deus?

3 Mas o nosso Deus está nos céus; ele faz tudo o que lhe apraz.

4 Os ídolos deles são prata e ouro, obra das mãos do homem.

5 Têm boca, mas não falam; têm olhos, mas não vêem;

6 têm ouvidos, mas não ouvem; têm nariz, mas não cheiram;

7 têm mãos, mas não apalpam; têm pés, mas não andam; nem som algum sai da sua garganta.

8 Semelhantes a eles sejam os que fazem, e todos os que neles confiam.

9 Confia, ó Israel, no Senhor; ele é seu auxílio e seu escudo.

10 Casa de Arão, confia no Senhor; ele é seu auxílio e seu escudo.

11 Vós, os que temeis ao Senhor, confiai no Senhor; ele é seu auxílio e seu escudo.

12 O Senhor tem-se lembrado de nós, abençoar-nos-á; abençoará a casa de Israel; abençoará a casa de Arão;

13 abençoará os que temem ao Senhor, tanto pequenos como grandes.

14 Aumente-vos o Senhor cada vez mais, a vós e a vossos filhos.

15 Sede vós benditos do Senhor, que fez os céus e a terra.

16 Os céus são os céus do Senhor, mas a terra, deu-a ele aos filhos dos homens.

17 Os mortos não louvam ao Senhor, nem os que descem ao silêncio;

18 nós, porém, bendiremos ao Senhor, desde agora e para sempre. Louvai ao Senhor.

SALMO 114


1 Quando Israel saiu do Egito, e a casa de Jacó dentre um povo de língua estranha,

2 Judá tornou-lhe o santuário, e Israel o seu domínio.

3 O mar viu isto, e fugiu; o Jordão tornou atrás.

4 Os montes saltaram como carneiros, e os outeiros como cordeiros do rebanho.

5 Que tens tu, ó mar, para fugires? e tu, ó Jordão, para tornares atrás?

6 E vós, montes, que saltais como carneiros, e vós outeiros, como cordeiros do rebanho?

7 Treme, ó terra, na presença do Senhor, na presença do Deus de Jacó,

8 o qual converteu a rocha em lago de águas, a pederneira em manancial.

SALMO 113


1 Louvai ao Senhor. Louvai, servos do Senhor, louvai o nome do Senhor.

2 Bendito seja o nome do Senhor, desde agora e para sempre.

3 Desde o nascimento do sol até o seu ocaso, há de ser louvado o nome do Senhor.

4 Exaltado está o Senhor acima de todas as nações, e a sua glória acima dos céus.

5 Quem é semelhante ao Senhor nosso Deus, que tem o seu assento nas alturas,

6 que se inclina para ver o que está no céu e na terra?

7 Ele levanta do pó o pobre, e do monturo ergue o necessitado,

8 para o fazer sentar com os príncipes, sim, com os príncipes do seu povo.

9 Ele faz com que a mulher estéril habite em família, e seja alegre mãe de filhos. Louvai ao Senhor.

SALMO 112

1 Louvai ao Senhor. Bem-aventurado o homem que teme ao Senhor, que em seus mandamentos tem grande prazer!

2 A sua descendência será poderosa na terra; a geração dos retos será abençoada.

3 Bens e riquezas há na sua casa; e a sua justiça permanece para sempre.

4 Aos retos nasce luz nas trevas; ele é compassivo, misericordioso e justo.

5 Ditoso é o homem que se compadece, e empresta, que conduz os seus negócios com justiça;

6 pois ele nunca será abalado; o justo ficará em memória eterna.

7 Ele não teme más notícias; o seu coração está firme, confiando no Senhor.

8 O seu coração está bem firmado, ele não terá medo, até que veja cumprido o seu desejo sobre os seus adversários.

9 Espalhou, deu aos necessitados; a sua justiça subsiste para sempre; o seu poder será exaltado em honra.

10 O ímpio vê isto e se enraivece; range os dentes e se consome; o desejo dos ímpios perecerá.

SALMO 111


1 Louvai ao Senhor. De todo o coração darei graças ao Senhor, no concílio dos retos e na congregação.

2 Grandes são as obras do Senhor, e para serem estudadas por todos os que nelas se comprazem.

3 Glória e majestade há em sua obra; e a sua justiça permanece para sempre.

4 Ele fez memoráveis as suas maravilhas; compassivo e misericordioso é o Senhor.

5 Dá mantimento aos que o temem; lembra-se sempre do seu pacto.

6 Mostrou ao seu povo o poder das suas obras, dando-lhe a herança das nações.

7 As obras das suas mãos são verdade e justiça; fiéis são todos os seus preceitos;

8 firmados estão para todo o sempre; são feitos em verdade e retidão.

9 Enviou ao seu povo a redenção; ordenou para sempre o seu pacto; santo e tremendo é o seu nome.

10 O temor do Senhor é o princípio da sabedoria; têm bom entendimento todos os que cumprem os seus preceitos; o seu louvor subsiste para sempre.

SALMO 110

1 Disse o Senhor ao meu Senhor: Assenta-te à minha direita, até que eu ponha os teus inimigos por escabelo dos teus pés.

2 O Senhor enviará de Sião o cetro do teu poder. Domina no meio dos teus inimigos.

3 O teu povo apresentar-se-á voluntariamente no dia do teu poder, em trajes santos; como vindo do próprio seio da alva, será o orvalho da tua mocidade.

4 Jurou o Senhor, e não se arrependerá: Tu és sacerdote para sempre, segundo a ordem de Melquisedeque.

5 O Senhor, à tua direita, quebrantará reis no dia da sua ira.

6 Julgará entre as nações; enchê-las-á de cadáveres; quebrantará os cabeças por toda a terra.

7 Pelo caminho beberá da corrente, e prosseguirá de cabeça erguida.

segunda-feira, 30 de agosto de 2010

Se você não acorda cedo, nunca conseguirá ver o sol nascendo.


"Chegai-vos a Deus, e ele se chegará a vós. Alimpai as mãos, pecadores; e, vós de duplo ânimo, purificai os corações." Tiago 4:8

Após uma exaustiva sessão matinal de orações no monastério de Piedra, o noviço perguntou ao abade:

Todas estas orações que o senhor nos ensina, fazem com que Deus se aproxime de nós?

Vou responde-lo com outra pergunta – disse o abade. – Todas estas orações que você ora irão fazer o sol nascer amanhã?

Claro que não! O sol nasce porque obedece a uma lei universal!

Então, esta é a resposta à sua pergunta. Deus está perto de nós, independente das preces que fazemos.

O noviço revoltou-se:

O senhor quer dizer que nossas orações são inúteis?

Absolutamente. Se você não acorda cedo, nunca conseguirá ver o sol nascendo. Se você não ora, embora Deus esteja sempre perto, você nunca conseguirá notar Sua presença.

Desconheço o Autor

Colaboração de Um Amigo de Deus Valbert

quarta-feira, 25 de agosto de 2010

JÁ ACONTECEU COM VOCÊ?

Você já parou para pensar ....já se perguntou...?
Já teve a sensação de que tudo que fez parece ter sido em vão?
Já precisou daqueles amigos que enchiam sua casa em dias de festa...e ninguém apareceu?
Já deixou seus sonhos de lado para ajudar a realizar os de outrem e agora não tem mais ninguém?
Já amou alguém a ponto de abrir mão de seus projetos...em troca esse alguém te desprezou...?
Já trabalhou tanto...a ponto de não ter tempo nem mesmo de se olhar no espelho?de ver no que estava se transformando?os anos passando?a vida se esvaindo?
Já chegou ao ponto de parar e se perguntar o que estou fazendo da minha vida?...ou também não teve tempo para isso e agora que tem,que todos se foram....que estás só...se pergunta...o que eu fiz da minha vida?
Pois é...é assim que estou me sentindo...
Saio de uma cidade...chego em outra...e ninguém para saber se cheguei bem...como estou...quando volto ou quando chego...se estou cansada...com fome...solitária...com dor...ou precisando de um abraço...se quero falar ou calar...se tenho algo para contar...ou realizar...ninguém...
Já passou por uma fase de completo isolamento...já se pegou falando sozinha...na verdade,não é falando sozinha...?...agora digo que falo com Deus...
Graças a ELE...tenho muita fé...sei que vai me ajudar a reverter essa situação...vai fazer tudo ainda valer a pena...vai me abençoar com dias muito felizes porque sabe que fui fiel...que meu erro foi amar demais,pessoas que nunca me entenderam...que apenas moraram comigo mas nunca me conheceram...que apenas falavam que me amavam mas nunca sentiram...nunca tiveram atitudes de quem ama...apenas sugaram o que tinha de melhor...minha beleza...juventude...energia...garra...determinação...minha alegria e depois?...
Só ELE mesmo para me levantar e mostrar um novo caminho...novas pessoas que mesmo não me conhecendo muito...me aceitam...me respeitam,de certa forma já me amam...sem querer saber...nem entender...nem escolher...nem o porque...
Agradeço à Deus todos os dias por todas as bênçãos na minha vida...por me amar tanto assim...por tirar essa dor do abandono de mim...Obrigado meu ABA PAI...eu te AMO.

SALMO 109


Imprecações contra os inimigos.


1 ó Deus do meu louvor, não te cales;

2 pois a boca do ímpio e a boca fraudulenta se abrem contra mim; falam contra mim com uma língua mentirosa.

3 Eles me cercam com palavras de ódio, e pelejam contra mim sem causa.

4 Em paga do meu amor são meus adversários; mas eu me dedico à oração.

5 Retribuem-me o mal pelo bem, e o ódio pelo amor.

6 Põe sobre ele um ímpio, e esteja à sua direita um acusador.

7 Quando ele for julgado, saia condenado; e em pecado se lhe torne a sua oração!

8 Sejam poucos os seus dias, e outro tome o seu ofício!

9 Fiquem órfãos os seus filhos, e viúva a sua mulher!

10 Andem errantes os seus filhos, e mendiguem; esmolem longe das suas habitações assoladas.

11 O credor lance mão de tudo quanto ele tenha, e despojem-no os estranhos do fruto do seu trabalho!

12 Não haja ninguém que se compadeça dele, nem haja quem tenha pena dos seus órfãos!

13 Seja extirpada a sua posteridade; o seu nome seja apagado na geração seguinte!

14 Esteja na memória do Senhor a iniqüidade de seus pais; e não se apague o pecado de sua mãe!

15 Antes estejam sempre perante o Senhor, para que ele faça desaparecer da terra a memória deles!

16 Porquanto não se lembrou de usar de benignidade; antes perseguiu o varão aflito e o necessitado, como também o quebrantado de coração, para o matar.

17 Visto que amou a maldição, que ela lhe sobrevenha! Como não desejou a bênção, que ela se afaste dele!

18 Assim como se vestiu de maldição como dum vestido, assim penetre ela nas suas entranhas como água, e em seus ossos como azeite!

19 Seja para ele como o vestido com que ele se cobre, e como o cinto com que sempre anda cingido!

20 Seja este, da parte do Senhor, o galardão dos meus adversários, e dos que falam mal contra mim!

21 Mas tu, ó Deus, meu Senhor age em meu favor por amor do teu nome; pois que é boa a tua benignidade, livra-me;

22 pois sou pobre e necessitado, e dentro de mim está ferido o meu coração.

23 Eis que me vou como a sombra que declina; sou arrebatado como o gafanhoto.

24 Os meus joelhos estão enfraquecidos pelo jejum, e a minha carne perde a sua gordura.

25 Eu sou para eles objeto de opróbrio; ao me verem, meneiam a cabeça.

26 Ajuda-me, Senhor, Deus meu; salva-me segundo a tua benignidade.

27 Saibam que nisto está a tua mão, e que tu, Senhor, o fizeste.

28 Amaldiçoem eles, mas abençoa tu; fiquem confundidos os meus adversários; mas alegre-se o teu servo!

29 Vistam-se de ignomínia os meus acusadores, e cubram-se da sua própria vergonha como dum manto!

30 Muitas graças darei ao Senhor com a minha boca;

31 Pois ele se coloca à direita do poder, para o salvar dos que o condenam.

SALMO 108


Deus concede vitória ao seu povo.

1 Preparado está o meu coração, ó Deus; cantarei, sim, cantarei louvores, com toda a minha alma.

2 Despertai, saltério e harpa; eu mesmo despertarei a aurora.

3 Louvar-te-ei entre os povos, Senhor, cantar-te-ei louvores entre as nações.

4 Pois grande, acima dos céus, é a tua benignidade, e a tua verdade ultrapassa as mais altas nuvens.

5 Sê exaltado, ó Deus, acima dos céus, e seja a tua glória acima de toda a terra!

6 Para que sejam livres os teus amados, salva-nos com a tua destra, e ouve-nos.

7 Deus falou no seu santuário: Eu me regozijarei; repartirei Siquém, e medirei o vale de Sucote.

8 Meu é Gileade, meu é Manassés; também Efraim é o meu capacete; Judá o meu cetro.

9 Moabe a minha bacia de lavar; sobre Edom lançarei o meu sapato; sobre a Filístia bradarei em triunfo.

10 Quem me conduzirá à cidade fortificada? Quem me guiará até Edom?

11 Porventura não nos rejeitaste, ó Deus? Não sais, ó Deus, com os nossos exércitos.

12 Dá-nos auxílio contra o adversário, pois vão é o socorro da parte do homem.

13 Em Deus faremos proezas; porque é ele quem calcará aos pés os nossos inimigos.

CONFIA...

"Entrega o teu caminho ao Senhor; confia nele, e ele tudo fará" Salmos 37:5.

Uma criança não se preocupa o tempo todo se sua casa estará lá quando retornar da escola ou se seus pais prepararão uma refeição para ela no jantar.

As crianças não se preocupam com tais coisas porque confiam em seus pais.

Da mesma maneira, nós, como cristãos, devemos confiar plenamente em nosso Pai divino para nos fornecer tudo o que é melhor para nossas vidas.

Por que temos nos preocupado tanto com as nossas coisas?

Por que tanta ansiedade e tanta aflição?

Onde está a nossa fé?

Em que está firmada a nossa confiança?

Muitos temem ficar sozinhos mesmo quando estão rodeados de amigos.

Muitos temem ficar desempregados mesmo quando estão trabalhando em um bom emprego.

Muitos se sentem atemorizados pelo fato de poder ficar doentes mesmo quando estão gozando perfeita saúde.

Mas a Palavra de nosso Deus nos orienta a "descansar no Senhor" e a "entregar o nosso caminho ao Senhor".

Será que isso não é suficiente para que aproveitemos a nossa vida para desfrutar da felicidade que Deus tem para nos dar?

Quando sofremos por antecipação, acabamos atraindo as crises e problemas.

Quando nos deixamos guiar pela potente e amorosa mão de Deus, as lutas e dificuldades aparecem e nem mesmo percebemos.

Os nossos olhos espirituais estão firmados no Senhor e só conseguimos ver alegria, vitórias e bênçãos.

Temos sido cristãos autênticos?

Temos confiado completamente no Senhor?

Temos colocado nossas vidas diante do altar de Deus para que Ele nos dirija os passos e nos faça caminhar no centro de Sua vontade?

E se assim o fazemos, por que tanta preocupação?

Deixemos de lado toda inquietude e sigamos em frente, na força do Senhor.

Que neste dia toda a felicidade do mundo esteja dentro de você, que seja repleto de alegrias e surpresas e que este seja o dia mais florido de sua vida.

Desconheço o Autor

Colaboração de Um Amigo de Deus,Nelson

terça-feira, 24 de agosto de 2010

E DAÍ...?

Se estou só?
Se todos sumiram?
Se algumas coisas não saíram como eu queria?
Se lutei por alguém que não merecia?

Se não fui amada como amei?

Se não tive amigos fiéis como fui?

Se não fui respeitada como respeitei?

Se não me consideraram como considerei?

Se não abriram mão de algo por mim como fiz?

Se nunca entenderam meu cuidado e porque?

Se trabalhei muito para outras pessoas aproveitarem?

Se fiquei noites e noites acordada por alguém que nunca entendeu que era por amor?

Se não me honraram como deviam?

Se por algumas horas sinto isolada e sozinha no mundo?

Se não tenho apoio como apoiei?

Se quando longe estiver ninguém de mim sentirá falta ou saudades?

Se eu morresse hoje ninguém saberia?

E daí?

Minha parte eu fiz...

Quem sumiu...não mereceu meu...carinho...respeito...tempo que dediquei e nem o meu amor.

Tenho sempre comigo,alguém que me conhece,entende e me ama incondicionalmente para sempre...se tenho ELE não preciso de mais ninguém para ser feliz...não importa onde more,estarei sempre muito bem...novas pessoas conquistarei...

Obrigado meu querido Pai...por cuidar sempre de mim...por favor...perdoa quem sempre me machucou...pois precisam muito mais de TI...amém.

segunda-feira, 23 de agosto de 2010

SALMO 107


Deus salva de todas as tribulações.


1 Dai graças ao Senhor, porque ele é bom; porque a sua benignidade dura para sempre;

2 digam-no os remidos do Senhor, os quais ele remiu da mão do inimigo,

3 e os que congregou dentre as terras, do Oriente e do Ocidente, do Norte e do Sul.

4 Andaram desgarrados pelo deserto, por caminho ermo; não acharam cidade em que habitassem.

5 Andavam famintos e sedentos; desfalecia-lhes a alma.

6 E clamaram ao Senhor na sua tribulação, e ele os livrou das suas angústias;

7 conduziu-os por um caminho direito, para irem a uma cidade em que habitassem.

8 Dêem graças ao Senhor pela sua benignidade, e pelas suas maravilhas para com os filhos dos homens!

9 Pois ele satisfaz a alma sedenta, e enche de bens a alma faminta.

10 Quanto aos que se assentavam nas trevas e sombra da morte, presos em aflição e em ferros,

11 por se haverem rebelado contra as palavras de Deus, e desprezado o conselho do Altíssimo,

12 eis que lhes abateu o coração com trabalho; tropeçaram, e não houve quem os ajudasse.

13 Então clamaram ao Senhor na sua tribulação, e ele os livrou das suas angústias.

14 Tirou-os das trevas e da sombra da morte, e quebrou-lhes as prisões.

15 Dêem graças ao Senhor pela sua benignidade, e pelas suas maravilhas para com os filhos dos homens!

16 Pois quebrou as portas de bronze e despedaçou as trancas de ferro.

17 Os insensatos, por causa do seu caminho de transgressão, e por causa das suas iniqüidades, são afligidos.

18 A sua alma aborreceu toda sorte de comida, e eles chegaram até as portas da morte.

19 Então clamaram ao Senhor na sua tribulação, e ele os livrou das suas angústias.

20 Enviou a sua palavra, e os sarou, e os livrou da destruição.

21 Dêem graças ao Senhor pela sua benignidade, e pelas suas maravilhas para com os filhos dos homens!

22 Ofereçam sacrifícios de louvor, e relatem as suas obras com regozijo!

23 Os que descem ao mar em navios, os que fazem comércio nas grandes águas,

24 esses vêem as obras do Senhor, e as suas maravilhas no abismo.

25 Pois ele manda, e faz levantar o vento tempestuoso, que eleva as ondas do mar.

26 Eles sobem ao céu, descem ao abismo; esvaece-lhes a alma de aflição.

27 Balançam e cambaleiam como ébrios, e perdem todo o tino.

28 Então clamam ao Senhor na sua tribulação, e ele os livra das suas angústias.

29 Faz cessar a tormenta, de modo que se acalmam as ondas.

30 Então eles se alegram com a bonança; e assim ele os leva ao porto desejado.

31 Dêem graças ao Senhor pela sua benignidade, e pelas suas maravilhas para com os filhos dos homens!

32 Exaltem-no na congregação do povo, e louvem-no na assembléia dos anciãos!

33 Ele converte rios em deserto, e nascentes em terra sedenta;

34 a terra frutífera em deserto salgado, por causa da maldade dos que nela habitam.

35 Converte o deserto em lagos, e a terra seca em nascentes.

36 E faz habitar ali os famintos, que edificam uma cidade para sua habitação;

37 semeiam campos e plantam vinhas, que produzem frutos abundantes.

38 Ele os abençoa, de modo que se multiplicam sobremaneira; e não permite que o seu gado diminua.

39 Quando eles decrescem e são abatidos pela opressão, aflição e tristeza,

40 ele lança o desprezo sobre os príncipes, e os faz desgarrados pelo deserto, onde não há caminho.

41 Mas levanta da opressão o necessitado para um alto retiro, e dá-lhe famílias como um rebanho.

42 Os retos o vêem e se regozijam, e toda a iniqüidade tapa a sua própria boca.

43 Quem é sábio observe estas coisas, e considere atentamente as benignidades do Senhor.

domingo, 22 de agosto de 2010

SALMO 106


A bondade de Deus para com israel.


1 Louvai ao Senhor. Louvai ao Senhor, porque ele é bom; porque a sua benignidade dura para sempre.

2 Quem pode referir os poderosos feitos do Senhor, ou anunciar todo o seu louvor?

3 Bem-aventurados os que observam o direito, que praticam a justiça em todos os tempos.

4 Lembra-te de mim, Senhor, quando mostrares favor ao teu povo; visita-me com a tua salvação,

5 para que eu veja a prosperidade dos teus escolhidos, para que me alegre com a alegria da tua nação, e me glorie juntamente com a tua herança.

6 Nós pecamos, como nossos pais; cometemos a iniqüidade, andamos perversamente.

7 Nossos pais não atentaram para as tuas maravilhas no Egito, não se lembraram da multidão das tuas benignidades; antes foram rebeldes contra o Altíssimo junto ao Mar Vermelho.

8 Não obstante, ele os salvou por amor do seu nome, para fazer conhecido o seu poder.

9 Pois repreendeu o Mar Vermelho e este se secou; e os fez caminhar pelos abismos como pelo deserto.

10 Salvou-os da mão do adversário, livrou-os do poder do inimigo.

11 As águas, porém, cobriram os seus adversários; nem um só deles ficou.

12 Então creram nas palavras dele e cantaram-lhe louvor.

13 Cedo, porém, se esqueceram das suas obras; não esperaram pelo seu conselho;

14 mas deixaram-se levar pela cobiça no deserto, e tentaram a Deus no ermo.

15 E ele lhes deu o que pediram, mas fê-los definhar de doença.

16 Tiveram inveja de Moisés no acampamento, e de Arão, o santo do Senhor.

17 Abriu-se a terra, e engoliu a Datã, e cobriu a companhia de Abirão;

18 ateou-se um fogo no meio da congregação; e chama abrasou os ímpios.

19 Fizeram um bezerro em Horebe, e adoraram uma imagem de fundição.

20 Assim trocaram a sua glória pela figura de um boi que come erva.

21 Esqueceram-se de Deus seu Salvador, que fizera grandes coisas no Egito,

22 maravilhas na terra de Cão, coisas tremendas junto ao Mar Vermelho.

23 Pelo que os teria destruído, como dissera, se Moisés, seu escolhido, não se tivesse interposto diante dele, para desviar a sua indignação, a fim de que não os destruísse.

24 Também desprezaram a terra aprazível; não confiaram na sua promessa;

25 antes murmuraram em suas tendas e não deram ouvidos à voz do Senhor.

26 Pelo que levantou a sua mão contra eles, afirmando que os faria cair no deserto;

27 que dispersaria também a sua descendência entre as nações, e os espalharia pelas terras.

28 Também se apegaram a Baal-Peor, e comeram sacrifícios oferecidos aos mortos.

29 Assim o provocaram à ira com as suas ações; e uma praga rebentou entre eles.

30 Então se levantou Finéias, que executou o juízo; e cessou aquela praga.

31 E isto lhe foi imputado como justiça, de geração em geração, para sempre.

32 Indignaram-no também junto às águas de Meribá, de sorte que sucedeu mal a Moisés por causa deles;

33 porque amarguraram o seu espírito; e ele falou imprudentemente com seus lábios.

34 Não destruíram os povos, como o Senhor lhes ordenara;

35 antes se misturaram com as nações, e aprenderam as suas obras.

36 Serviram aos seus ídolos, que vieram a ser-lhes um laço;

37 sacrificaram seus filhos e suas filhas aos demônios;

38 e derramaram sangue inocente, o sangue de seus filhos e de suas filhas, que eles sacrificaram aos ídolos de Canaã; e a terra foi manchada com sangue.

39 Assim se contaminaram com as suas obras, e se prostituíram pelos seus feitos.

40 Pelo que se acendeu a ira do Senhor contra o seu povo, de modo que abominou a sua herança;

41 entregou-os nas mãos das nações, e aqueles que os odiavam dominavam sobre eles.

42 Os seus inimigos os oprimiram, e debaixo das mãos destes foram eles humilhados.

43 Muitas vezes os livrou; mas eles foram rebeldes nos seus desígnios, e foram abatidos pela sua iniqüidade.

44 Contudo, atentou para a sua aflição, quando ouviu o seu clamor;

45 e a favor deles lembrou-se do seu pacto, e aplacou-se, segundo a abundância da sua benignidade.

46 Por isso fez com que obtivessem compaixão da parte daqueles que os levaram cativos.

47 Salva-nos, Senhor, nosso Deus, e congrega-nos dentre as nações, para que louvemos o teu santo nome, e nos gloriemos no teu louvor.

48 Bendito seja o Senhor, Deus de Israel, de eternidade em eternidade! E diga todo o povo: Amém. Louvai ao Senhor.

sábado, 21 de agosto de 2010

SALMO 105


Deus e o seu povo.

1 Dai graças ao Senhor; invocai o seu nome; fazei conhecidos os seus feitos entre os povos.

2 Cantai-lhe, cantai-lhe louvores; falai de todas as suas maravilhas.

3 Gloriai-vos no seu santo nome; regozije-se o coração daqueles que buscam ao Senhor.

4 Buscai ao Senhor e a sua força; buscai a sua face continuamente.

5 Lembrai-vos das maravilhas que ele tem feito, dos seus prodígios e dos juízos da sua boca,

6 vós, descendência de Abraão, seu servo, vós, filhos de Jacó, seus escolhidos.

7 Ele é o Senhor nosso Deus; os seus juízos estão em toda a terra.

8 Lembra-se perpetuamente do seu pacto, da palavra que ordenou para mil gerações;

9 do pacto que fez com Abraão, e do seu juramento a Isaque;

10 o qual ele confirmou a Jacó por estatuto, e a Israel por pacto eterno,

11 dizendo: A ti darei a terra de Canaã, como porção da vossa herança.

12 Quando eles eram ainda poucos em número, de pouca importância, e forasteiros nela,

13 andando de nação em nação, dum reino para outro povo,

14 não permitiu que ninguém os oprimisse, e por amor deles repreendeu reis, dizendo:

15 Não toqueis nos meus ungidos, e não maltrateis os meus profetas.

16 Chamou a fome sobre a terra; retirou-lhes todo o sustento do pão.

17 Enviou adiante deles um varão; José foi vendido como escravo;

18 feriram-lhe os pés com grilhões; puseram-no a ferro,

19 até o tempo em que a sua palavra se cumpriu; a palavra do Senhor o provou.

20 O rei mandou, e fez soltá-lo; o governador dos povos o libertou.

21 Fê-lo senhor da sua casa, e governador de toda a sua fazenda,

22 para, a seu gosto, dar ordens aos príncipes, e ensinar aos anciãos a sabedoria.

23 Então Israel entrou no Egito, e Jacó peregrinou na terra de Cão.

24 E o Senhor multiplicou sobremodo o seu povo, e o fez mais poderoso do que os seus inimigos.

25 Mudou o coração destes para que odiassem o seu povo, e tratassem astutamente aos seus servos.

26 Enviou Moisés, seu servo, e Arão, a quem escolhera,

27 os quais executaram entre eles os seus sinais e prodígios na terra de Cão.

28 Mandou à escuridão que a escurecesse; e foram rebeldes à sua palavra.

29 Converteu-lhes as águas em sangue, e fez morrer os seus peixes.

30 A terra deles produziu rãs em abundância, até nas câmaras dos seus reis.

31 Ele falou, e vieram enxames de moscas em todo o seu termo.

32 Deu-lhes saraiva por chuva, e fogo abrasador na sua terra.

33 Feriu-lhes também as vinhas e os figueirais, e quebrou as árvores da sua terra.

34 Ele falou, e vieram gafanhotos, e pulgões em quantidade inumerável,

35 que comeram toda a erva da sua terra, e devoraram o fruto dos seus campos.

36 Feriu também todos os primogênitos da terra deles, as primícias de toda a sua força.

37 E fez sair os israelitas com prata e ouro, e entre as suas tribos não havia quem tropeçasse.

38 O Egito alegrou-se quando eles saíram, porque o temor deles o dominara.

39 Estendeu uma nuvem para os cobrir, e um fogo para os alumiar de noite.

40 Eles pediram, e ele fez vir codornizes, e os saciou com pão do céu.

41 Fendeu a rocha, e dela brotaram águas, que correram pelos lugares áridos como um rio.

42 Porque se lembrou da sua santa palavra, e de Abraão, seu servo.

43 Fez sair com alegria o seu povo, e com cânticos de júbilo os seus escolhidos.

44 Deu-lhes as terras das nações, e eles herdaram o fruto do trabalho dos povos,

45 para que guardassem os seus preceitos, e observassem as suas leis. Louvai ao Senhor

QUE "ELE" CUIDE DE VOCÊ...


Que Deus te cuide com carinho,
que te indique o melhor caminho,
que te ensine sobre o verdadeiro amor,
que te perdoe quando preciso for.

Que Deus te dê asas para voar,
nos sonhos te ajude a pousar
mas, também, te mostre a realidade
que terás que enfrentar...
sem nunca, por nada, recuar

Que Deus te dê forças para encarar
tudo aquilo que não tens como mudar
ou sequer adulterar...
Que Deus te dê saúde,
que teu corpo, por dentro, nunca mude
e que ao envelhecer tu possas dizer
que tua maior felicidade foi viver

Que Deus te mostre com clareza
a grande e real beleza
de um jardim florido,
de um bom livro,
de uma poesia que fale de saudade,
de uma calma paisagem.

Que Deus te faça compreender
porque amanhece antes de anoitecer,
porque o sol se esconde quando a lua quer brilhar
e porque o sol brilha quando ela vai descansar.

Que Deus te faça ver
que no sorriso de uma criança
mora toda a esperança
que tanto precisas pra viver.
Que Deus faça de ti um ser sensível,
que seja capaz de chorar
sem jamais se envergonhar

Que Deus possa te mostrar
que cada onda do mar
devolve tudo que ousa levar,
afinal não tem intenção de roubar
o que em terra deve ficar.

Que Deus te ensine sobre a dignidade,
sobre a força e a fragilidade,
sobre a coragem e a honestidade.
Que Deus te ensine sobre a dignidade,
sobre a força e a fragilidade,
sobre a coragem e a honestidade.

Que Deus te ensine a fé,
que te faça crer em Jesus,
e que te permita aceitar
que por pior que seja a cruz
que tenhas que carregar
com o peso que teve a Dele nunca será.

DEUS ABENÇOE A TODOS...AMÉM.

RELÓGIO DO CORAÇÃO

Há tempos em nossa vida que contam de forma diferente.
Há semanas que duraram anos,como há anos que não contaram um dia.
Há paixões que foram eternas,como há amigos que passaram céleres,apesar do calendário nos mostrar que ficaram por anos em nossas agendas.
Há amores não realizados que deixaram olhares de meses,e beijos não dados que até hoje esperam o desfecho.
Há trabalhos que nos tomaram décadas de nosso tempo na Terra, mas que nossa memória insiste em contá-los como semanas.
E há casamentos que, ao olhar para trás,mal preenchem os feriados da folhinha.
Há tristezas que nos paralisaram por meses,mas que hoje, passados os dias difíceis,mal guardamos lembrança de horas.
Há eventos que marcaram, e que duram para sempre
o nascimento do filho, a morte da avó,a viagem inesquecível, o êxtase do sonho realizado.Estes têm a duração que nos ensina o significado da palavra “eternidade”.
Já viajei para a mesma cidade uma centena de vezes, e na maioria das vezes o tempo transcorrido foi o mesmo.
Mas conforme meu espírito,houve viagem que não teve fim até hoje,como há percurso que nem me lembro de ter feito,tão feliz estava eu na ocasião.
O relógio do coração hoje descubro,bate noutra frequência daquele que carrego no pulso.
Marca um tempo diferente,de emoções que perduram e que mostram o verdadeiro tempo da gente.
Por este relógio, velhice é coisa de quem não conseguiu esticar o tempo que temos no mundo.
É olhar as rugas e não perceber a maturidade.
É pensar antes naquilo que não foi feito, ao invés de se alegrar e sorrir com as lembranças do que viveu.
Pense nisso.E consulte sempre o relógio do coração:ele lhe mostrará o verdadeiro tempo do mundo.

O tempo
A vida é o dever que nós trouxemos para fazer em casa.
Quando se vê, já são seis horas!
Quando Se vê, já é sexta-feira!
Quando se vê, já é natal...
Quando se vê, já terminou o ano...
Quando se vê perdemos o amor da nossa vida.
Quando se vê passaram 50 anos!
Agora é tarde demais para ser reprovado...
Se me fosse dado um dia, outra oportunidade, eu nem olhava o relógio.
Seguiria sempre em frente
e iria jogando pelo caminho a casca dourada e inútil das horas...
Seguraria o amor que está a minha frente e diria que eu o amo...
E tem mais:
não deixe de fazer algo de que gosta devido à falta de tempo.
Não deixe de ter pessoas ao seu lado por puro medo de ser feliz.


A única falta que terá será a desse tempo que, infelizmente,nunca mais voltará.
Mario Quintana.

sexta-feira, 20 de agosto de 2010

A vida é tão curta...


Dizem que a uma certa idade nós as mulheres nos fazemos invisíveis, que nossa atuação na cena da vida diminui e que nos tornamos inexistentes para um mundo onde só cabe o impulso dos anos jovem.
Eu não sei se me tornei invisível para o mundo, pode ser, porém nunca fui tão consciente da minha existencia como agora, nunca me senti tão protagonista da minha vida, e nunca desfrutei tanto cada momento da minha existencia.
Descobri que não sou uma princesa de contos de fada; descobri o ser humano sensível que sou e também muito forte. Com suas misérias e suas grandezas. Descobri que posso me permitir o luxo de não ser perfeita, de estar cheia de defeitos, de ter fraquezas, de me enganar, de fazer coisas indevidas e de não responder as expectativas dos outros.

E , apesar disso... Gostar de mim

Quando me olho no espelho e procuro quem fui…sorrio àquela que sou…Me alegro do caminho andado, assumo minhas contradições.Sinto que devo saudar a jovem que fui com carinho, mas deixa-la de lado porque agora me atrapalha.Seu mundo de ilusões e fantasias, já não me interessa.É bom viver sem ter tantas obrigações.Que bom não sentir um desasossego permanente causado por correr atrás de tantos sonhos.

“A vida é tão curta e a tarefa de vive-la é tão difícil que quando começamos a aprende-la, já é hora de partir "

Que Deus nos ajude a ter entendimento do que ELE quer para nossas vidas em nome de Jesus...amém.

SALMO 104

Louvor ao Deus criador.

1 Bendize, ó minha alma, ao Senhor! Senhor, Deus meu, tu és magnificentíssimo! Estás vestido de honra e de majestade,

2 tu que te cobres de luz como de um manto, que estendes os céus como uma cortina.

3 És tu que pões nas águas os vigamentos da tua morada, que fazes das nuvens o teu carro, que andas sobre as asas do vento;

4 que fazes dos ventos teus mensageiros, dum fogo abrasador os teus ministros.

5 Lançaste os fundamentos da terra, para que ela não fosse abalada em tempo algum.

6 Tu a cobriste do abismo, como dum vestido; as águas estavam sobre as montanhas.

7 à tua repreensão fugiram; à voz do teu trovão puseram-se em fuga.

8 Elevaram-se as montanhas, desceram os vales, até o lugar que lhes determinaste.

9 Limite lhes traçaste, que não haviam de ultrapassar, para que não tornassem a cobrir a terra.

10 És tu que nos vales fazes rebentar nascentes, que correm entre as colinas.

11 Dão de beber a todos os animais do campo; ali os asnos monteses matam a sua sede.

12 Junto delas habitam as aves dos céus; dentre a ramagem fazem ouvir o seu canto.

13 Da tua alta morada regas os montes; a terra se farta do fruto das tuas obras.

14 Fazes crescer erva para os animais, e a verdura para uso do homem, de sorte que da terra tire o alimento,

15 o vinho que alegra o seu coração, o azeite que faz reluzir o seu rosto, e o pão que lhe fortalece o coração.

16 Saciam-se as árvores do Senhor, os cedros do Líbano que ele plantou,

17 nos quais as aves se aninham, e a cegonha, cuja casa está nos ciprestes.

18 Os altos montes são um refúgio para as cabras montesas, e as rochas para os querogrilos.

19 Designou a lua para marcar as estações; o sol sabe a hora do seu ocaso.

20 Fazes as trevas, e vem a noite, na qual saem todos os animais da selva.

21 Os leões novos os animais bramam pela presa, e de Deus buscam o seu sustento.

22 Quando nasce o sol, logo se recolhem e se deitam nos seus covis.

23 Então sai o homem para a sua lida e para o seu trabalho, até a tarde.

24 ó Senhor, quão multiformes são as tuas obras! Todas elas as fizeste com sabedoria; a terra está cheia das tuas riquezas.

25 Eis também o vasto e espaçoso mar, no qual se movem seres inumeráveis, animais pequenos e grandes.

26 Ali andam os navios, e o leviatã que formaste para nele folgar.

27 Todos esperam de ti que lhes dês o sustento a seu tempo.

28 Tu lho dás, e eles o recolhem; abres a tua mão, e eles se fartam de bens.

29 Escondes o teu rosto, e ficam perturbados; se lhes tiras a respiração, morrem, e voltam para o seu pó.

30 Envias o teu fôlego, e são criados; e assim renovas a face da terra.

31 Permaneça para sempre a glória do Senhor; regozije-se o Senhor nas suas obras;

32 ele olha para a terra, e ela treme; ele toca nas montanhas, e elas fumegam.

33 Cantarei ao Senhor enquanto eu viver; cantarei louvores ao meu Deus enquanto eu existir.

34 Seja-lhe agradável a minha meditação; eu me regozijarei no Senhor.

35 Sejam extirpados da terra os pecadores, e não subsistam mais os ímpios. Bendize, ó minha alma, ao Senhor. Louvai ao Senhor.

SALMO 103


Hino à bondade de Deus.


1 Bendize, ó minha alma, ao Senhor, e tudo o que há em mim bendiga o seu santo nome.

2 Bendize, ó minha alma, ao Senhor, e não te esqueças de nenhum dos seus benefícios.

3 É ele quem perdoa todas as tuas iniqüidades, quem sara todas as tuas enfermidades,

4 quem redime a tua vida da cova, quem te coroa de benignidade e de misericórdia,

5 quem te supre de todo o bem, de sorte que a tua mocidade se renova como a da águia.

6 O Senhor executa atos de justiça, e juízo a favor de todos os oprimidos.

7 Fez notórios os seus caminhos a Moisés, e os seus feitos aos filhos de Israel.

8 Compassivo e misericordioso é o Senhor; tardio em irar-se e grande em benignidade.

9 Não repreenderá perpetuamente, nem para sempre conservará a sua ira.

10 Não nos trata segundo os nossos pecados, nem nos retribui segundo as nossas iniqüidades.

11 Pois quanto o céu está elevado acima da terra, assim é grande a sua benignidade para com os que o temem.

12 Quanto o oriente está longe do ocidente, tanto tem ele afastado de nós as nossas transgressões.

13 Como um pai se compadece de seus filhos, assim o Senhor se compadece daqueles que o temem.

14 Pois ele conhece a nossa estrutura; lembra-se de que somos pó.

15 Quanto ao homem, os seus dias são como a erva; como a flor do campo, assim ele floresce.

16 Pois, passando por ela o vento, logo se vai, e o seu lugar não a conhece mais.

17 Mas é de eternidade a eternidade a benignidade do Senhor sobre aqueles que o temem, e a sua justiça sobre os filhos dos filhos,

18 sobre aqueles que guardam o seu pacto, e sobre os que se lembram dos seus preceitos para os cumprirem.

19 O Senhor estabeleceu o seu trono nos céus, e o seu reino domina sobre tudo.

20 Bendizei ao Senhor, vós anjos seus, poderosos em força, que cumpris as suas ordens, obedecendo à voz da sua palavra!

21 Bendizei ao Senhor, vós todos os seus exércitos, vós ministros seus, que executais a sua vontade!

22 Bendizei ao Senhor, vós todas as suas obras, em todos os lugares do seu domínio! Bendize, ó minha alma ao Senhor!

A fé é a certeza daquilo que esperamos e a prova das coisas que não vemos...

"Por isso deixará o homem seu pai e sua mãe, e se unirá a sua mulher; e serão dois numa carne." Efésios 5:31

Naquela noite, enquanto minha esposa servia o jantar, eu segurei sua mão e disse: "Tenho algo importante para te dizer". Ela se sentou e jantou sem dizer uma palavra. Pude ver sofrimento em seus olhos.

De repente, eu também fiquei sem palavras. No entanto, eu tinha que dizer a ela o que estava pensando. Eu queria o divórcio. E abordei o assunto calmamente.

Ela não parecia irritada pelas minhas palavras e simplesmente perguntou em voz baixa: "Por quê?"

Eu evitei respondê-la, o que a deixou muito brava. Ela jogou os talheres longe e gritou "você não é homem!" Naquela noite, nós não conversamos mais. Pude ouví-la chorando. Eu sabia que ela queria um motivo para o fim do nosso casamento. Mas eu não tinha uma resposta satisfatória para esta pergunta. O meu coração não pertencia a ela mais e sim a Jane. Eu simplesmente não a amava mais, sentia pena dela.

Me sentindo muito culpado, rascunhei um acordo de divórcio, deixando para ela a casa, nosso carro e 30% das ações da minha empresa.

Ela tomou o papel da minha mão e o rasgou violentamente. A mulher com quem vivi pelos últimos 10 anos se tornou uma estranha para mim. Eu fiquei com dó deste desperdício de tempo e energia mas eu não voltaria atrás do que disse, pois amava a Jane profundamente. Finalmente ela começou a chorar alto na minha frente, o que já era esperado. Eu me senti libertado enquanto ela chorava. A minha obsessão por divórcio nas últimas semanas finalmente se materializava e o fim estava mais perto agora.

No dia seguinte, eu cheguei em casa tarde e a encontrei sentada na mesa escrevendo. Eu não jantei, fui direto para a cama e dormi imediatamente, pois estava cansado depois de ter passado o dia com a Jane.

Quando acordei no meio da noite, ela ainda estava sentada à mesa, escrevendo. Eu a ignorei e voltei a dormir.

Na manhã seguinte, ela me apresentou suas condições: ela não queria nada meu, mas pedia um mês de prazo para conceder o divórcio. Ela pediu que durante os próximos 30 dias a gente tentasse viver juntos de forma mais natural possivel. As suas razões eram simples: o nosso filho faria seus examos no próximo mês e precisava de um ambiente propício para prepar-se bem, sem os problemas de ter que lidar com o rompimento de seus pais.

Isso me pareceu razoável, mas ela acrescentou algo mais. Ela me lembrou do momento em que eu a carreguei para dentro da nossa casa no dia em que nos casamos e me pediu que durante os próximos 30 dias eu a carregasse para fora da casa todas as manhãs. Eu então percebi que ela estava completamente louca mas aceitei sua proposta para não tornar meus próximos dias ainda mais intoleráveis.

Eu contei para a Jane sobre o pedido da minha esposa e ela riu muito e achou a idéia totalmente absurda. "Ela pensa que impondo condições assim vai mudar alguma coisa; melhor ela encarar a situação e aceitar o divórcio" ,disse Jane em tom de gozação.

Minha esposa e eu não tínhamos nenhum contato físico havia muito tempo, então quando eu a carreguei para fora da casa no primeiro dia, foi totalmente estranho. Nosso filho nos aplaudiu dizendo "O papai está carregando a mamãe no colo!" Suas palavras me causaram constrangimento. Do quarto para a sala, da sala para a porta de entrada da casa, eu devo ter caminhado uns 10 metros carregando minha esposa no colo. Ela fechou os olhos e disse baixinho "Não conte para o nosso filho sobre o divórcio" Eu balancei a cabeça mesmo discordando e então a coloquei no chão assim que atravessamos a porta de entrada da casa. Ela foi pegar o ônibus para o trabalho e eu dirigi para o escritório.

No segundo dia, foi mais fácil para nós dois. Ela se apoiou no meu peito, eu senti o cheiro do perfume que ela usava. Eu então percebi que há muito tempo não prestava atenção a essa mulher. Ela certamente tinha envelhecido nestes últimos 10 anos, havia rugas no seu rosto, seu cabelo estava ficando fino e grisalho. O nosso casamento teve muito impacto nela. Por uns segundos, cheguei a pensar no que havia feito para ela estar neste estado.

No quarto dia, quando eu a levantei, senti uma certa intimidade maior com o corpo dela. Esta mulher havia dedicado 10 anos da vida dela a mim.

No quinto dia, a mesma coisa. Eu não disse nada a Jane, mas ficava a cada dia mais fácil carregá-la do nosso quarto à porta da casa. Talvez meus músculos estejam mais firmes com o exercício, pensei.

Certa manhã, ela estava tentando escolher um vestido. Ela experimentou uma série deles mas não conseguia achar um que servisse. Com um suspiro, ela disse "Todos os meus vestidos estão grandes para mim". Eu então percebi que ela realmente havia emagrecido bastante, daí a facilidade em carregá-la nos últimos dias.

A realidade caiu sobre mim com uma ponta de remorso... ela carrega tanta dor e tristeza em seu coração..... Instintivamente, eu estiquei o braço e toquei seus cabelos.

Nosso filho entrou no quarto neste momento e disse "Pai, está na hora de você carregar a mamãe". Para ele, ver seu pai carregando sua mão todas as manhãs tornou-se parte da rotina da casa. Minha esposa abraçou nosso filho e o segurou em seus braços por alguns longos segundos. Eu tive que sair de perto, temendo mudar de idéia agora que estava tão perto do meu objetivo. Em seguida, eu a carreguei em meus braços, do quarto para a sala, da sala para a porta de entrada da casa. Sua mão repousava em meu pescoço. Eu a segurei firme contra o meu corpo. Lembrei-me do dia do nosso casamento.

Mas o seu corpo tão magro me deixou triste. No último dia, quando eu a segurei em meus braços, por algum motivo não conseguia mover minhas pernas. Nosso filho já tinha ido para a escola e eu me vi pronunciando estas palavras: "Eu não percebi o quanto perdemos a nossa intimidade com o tempo".

Eu não consegui dirigir para o trabalho.... fui até o meu novo futuro endereço, saí do carro apressadamente, com medo de mudar de idéia...Subi as escadas e bati na porta do quarto. A Jane abriu a porta e eu disse a ela "Desculpe, Jane. Eu não quero mais me divorciar".

Ela olhou para mim sem acreditar e tocou na minha testa "Você está com febre?" Eu tirei sua mão da minha testa e repeti "Desculpe, Jane. Eu não vou me divorciar. Meu casamento ficou chato porque nós não soubemos valorizar os pequenos detalhes da nossa vida e não por falta de amor. Agora eu percebi que desde o dia em que carreguei minha esposa no dia do nosso casamento para nossa casa, eu devo segurá-la até que a morte nos separe. "

A Jane então percebeu que era sério. Me deu um tapa no rosto, bateu a porta na minha cara e pude ouví-la chorando compulsivamente. Eu voltei para o carro e fui trabalhar.

Na loja de flores, no caminho de volta para casa, eu comprei um buquê de rosas para minha esposa. A atendente me perguntou o que eu gostaria de escrever no cartão. Eu sorri e escrevi: "Eu te carregarei em meus braços todas as manhãs até que a morte nos separe".

Naquela noite, quando cheguei em casa, com um buquê de flores na mão e um grande sorriso no rosto, fui direto para o nosso quarto onde encontrei minha esposa deitada na cama - morta.
Minha esposa estava com câncer e vinha se tratando a vários meses, mas eu estava muito ocupado com a Jane para perceber que havia algo errado com ela. Ela sabia que morreria em breve e quis poupar nosso filho dos efeitos de um divórcio - e prolongou a nossa vida juntos proporcionando ao nosso filho a imagem de nós dois juntos toda manhã. Pelo menos aos olhos do meu filho, eu sou um marido carinhoso.

Os pequenos detalhes de nossa vida são o que realmente contam num relacionamento. Não é a mansão, o carro, as propriedades, o dinheiro no banco. Estes bens criam um ambiente propício a felicidade mas não proporcionam mais do que conforto. Portanto, encontre tempo para ser amigo de sua esposa, faça pequenas coisas um para o outro para mantê-los próximos e íntimos. Tenham um casamento real e feliz!

Muitos fracassados na vida são pessoas que não perceberam que estavam tão perto do sucesso e preferiram desistir..

UM CASAMENTO CENTRADO EM CRISTO É UM CASAMENTO QUE DURA UMA VIDA TODA.

Ora, a fé é a certeza daquilo que esperamos e a prova das coisas que não vemos. (Hebreus 11:1)


Desconheço o Autor

Colaboração de Uma Amiga de Deus Sheila Maia e Lane

quinta-feira, 19 de agosto de 2010

SEMPRE PRONTO À PERDOAR...


"LOUVAI ao SENHOR, porque ele é bom; porque a sua benignidade dura para sempre." Salmos 136:1

Neste Salmo, a afirmação "porque a Sua benignidade dura para sempre" é repetida vinte e seis vezes, o que atesta bem o conhecimento que o salmista tinha do caráter de Deus. Este fato só lhe pode ter advindo pela muita reflexão, meditação, oração e tempo gasto diante da grandiosa pessoa do Deus Criador e Sustentador da humanidade.

Quanto tempo passamos diariamente a refletir a Palavra?

Quanto tempo gastamos a orar a Deus?

Quanto tempo gastamos a cantar o Seu louvor?

Qual o grau de conhecimento que nós temos dos atributos de Deus e especialmente da Sua misericórdia e benignidade?

Que conceitos guardamos da índole de Deus?

É severo, insensível, duro, justiceiro?

Quando pensas em Deus, mete-te medo? Assustas-te ou chegas-te a Ele com certeza do Seu amor e misericórdia?

Quando era criança, não sei bem porquê, criei no meu íntimo a idéia de que Deus era um "velho muito velho", de grandes barbas, austero, seco, justiceiro e sempre de "gadanha" na mão, pronto a cortar vidas, como quem corta o feno do campo. Porquê teria criado esta idéia? Talvez porque era de temperamento irascível e a gadanha era o instrumento mais aguçado e cortante que conhecia. Eu sabia que as minhas maldades mereciam castigo.

Não. Deus não é Deus de justiça seca, sem apelo, nem misericórdia. Bem ao contrário, Ele é Deus benigno, misericordioso, justo, mas sempre pronto a perdoar, desde que reconheçamos os nossos pecados, os confessemos e os abandonemos.

O nosso Deus é um Deus pronto a perdoar e a salvar.

A "gadanha", sei hoje, só será usada "in extremis". Não precisas mediadores... Podes e deves ir até Ele diretamente, pois Ele é o Único Mediador entre Deus e os homens e está pronto a perdoar, salvar e galardoar a todos quantos a Ele vão e n'Ele confiam.

Desconheço o Autor

Colaboração de Uma Amiga de Deus Aline Correia de Oliveira

quarta-feira, 18 de agosto de 2010

A desonestidade tira o sono, estoca o remorso, inquieta a alma.


"e conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará" (João 8:32).

Três meninos estavam alardeando sobre as façanhas de seus pais.

O primeiro disse: "Meu pai pode atirar uma flecha e correr e chegar até o alvo , chegando antes que a flecha o atinja".

O segundo disse: "Bem, meu pai pode atirar em um cervo com uma arma de fogo a uma distância de 200 metros e chegar lá para segurar o animal antes que ele caia no chão".

O terceiro disse: "Isto não é nada. Meu pai trabalha na Prefeitura e sai do emprego às 16:30 horas e chega em casa às 15:45 horas".

A nossa ilustração mostra uma anedota envolvendo três crianças que desejavam provar que seus pais eram mais velozes do que os outros.

É uma brincadeira mas que pode servir para um momento de reflexão.

Vemos em nossa história atitudes de vaidade, mentira e desonestidade.

Estaríamos nós envolvidos em alguma delas?

O Senhor Jesus nos disse que Ele era a Verdade e disse também que a verdade nos liberta.

Quando nos envolvemos com mentiras e enganos, sem o percebermos, estamos construindo paredes ao nosso redor que servirão apenas para nos tirar a liberdade.

A mentira escraviza, a mentira entristece, a mentira destrói.

Ela não vem de Deus e, por isso, nos afasta da salvação e da vida eterna.

A vaidade afasta o homem dos caminhos do Senhor.

Contraria todos os ensinos bíblicos e impede que sejamos uma bênção para nossos irmãos e amigos.

Jesus sempre enfatizou a necessidade de uma vida humilde para que fôssemos bem-aventurados.

A desonestidade tira o sono, estoca o remorso, inquieta a alma.

Ao monte do Senhor chegarão apenas os limpos de mão e puros de coração.

Uma vida santa engrandece ao Senhor e nos coloca sempre junto ao Deus de nossa felicidade.

A nossa introdução é uma anedota infantil, mas, devemos buscar a graça e a unção de Deus para que não se torne uma historieta verdadeira de adultos.

As atitudes ali encontradas estão por toda a parte no mundo de hoje, mas, não deve estar, de forma alguma, no meio dos lavados e remidos pelo sangue do Cordeiro.

Conhecemos a Verdade e esta Verdade nos libertou.

Sejamos, pois, rápidos em louvar e glorificar o nome de Jesus em todos os momentos de nossas vidas.

Desconheço o Autor
Colaboração de Uma Amiga de Deus Ana Patricia Oliveira

SALMO 102


Arrependimento e esperança.

1 ó Senhor, ouve a minha oração, e chegue a ti o meu clamor.

2 Não escondas de mim o teu rosto no dia da minha angústia; inclina para mim os teus ouvidos; no dia em que eu clamar, ouve-me depressa.

3 Pois os meus dias se desvanecem como fumaça, e os meus ossos ardem como um tição.

4 O meu coração está ferido e seco como a erva, pelo que até me esqueço de comer o meu pão.

5 Por causa do meu doloroso gemer, os meus ossos se apegam à minha carne.

6 Sou semelhante ao pelicano no deserto; cheguei a ser como a coruja das ruínas.

7 Vigio, e tornei-me como um passarinho solitário no telhado.

8 Os meus inimigos me afrontam todo o dia; os que contra mim se enfurecem, me amaldiçoam.

9 Pois tenho comido cinza como pão, e misturado com lágrimas a minha bebida,

10 por causa da tua indignação e da tua ira; pois tu me levantaste e me arrojaste de ti.

11 Os meus dias são como a sombra que declina, e eu, como a erva, me vou secando.

12 Mas tu, Senhor, estás entronizado para sempre, e o teu nome será lembrado por todas as gerações.

13 Tu te levantarás e terás piedade de Sião; pois é o tempo de te compadeceres dela, sim, o tempo determinado já chegou.

14 Porque os teus servos têm prazer nas pedras dela, e se compadecem do seu pó.

15 As nações, pois, temerão o nome do Senhor, e todos os reis da terra a tua glória,

16 quando o Senhor edificar a Sião, e na sua glória se manifestar,

17 atendendo à oração do desamparado, e não desprezando a sua súplica.

18 Escreva-se isto para a geração futura, para que um povo que está por vir louve ao Senhor.

19 Pois olhou do alto do seu santuário; dos céus olhou o Senhor para a terra,

20 para ouvir o gemido dos presos, para libertar os sentenciados à morte;

21 a fim de que seja anunciado em Sião o nome do Senhor, e o seu louvor em Jerusalém,

22 quando se congregarem os povos, e os reinos, para servirem ao Senhor.

23 Ele abateu a minha força no caminho; abreviou os meus dias.

24 Eu clamo: Deus meu, não me leves no meio dos meus dias, tu, cujos anos alcançam todas as gerações.

25 Desde a antigüidade fundaste a terra; e os céus são obra das tuas mãos.

26 Eles perecerão, mas tu permanecerás; todos eles, como um vestido, envelhecerão; como roupa os mudarás, e ficarão mudados.

27 Mas tu és o mesmo, e os teus anos não acabarão.

28 Os filhos dos teus servos habitarão seguros, e a sua descendência ficará firmada diante de ti.

terça-feira, 17 de agosto de 2010

SALMO 101


Modelo de bom rei.

1 Cantarei a benignidade e o juízo; a ti, Senhor, cantarei.

2 Portar-me-ei sabiamente no caminho reto. Oh, quando virás ter comigo? Andarei em minha casa com integridade de coração.

3 Não porei coisa torpe diante dos meus olhos; aborreço as ações daqueles que se desviam; isso não se apagará a mim.

4 Longe de mim estará o coração perverso; não conhecerei o mal.

5 Aquele que difama o seu próximo às escondidas, eu o destruirei; aquele que tem olhar altivo e coração soberbo, não o tolerarei.

6 Os meus olhos estão sobre os fiéis da terra, para que habitem comigo; o que anda no caminho perfeito, esse me servirá.

7 O que usa de fraude não habitará em minha casa; o que profere mentiras não estará firme perante os meus olhos.

8 De manhã em manhã destruirei todos os ímpios da terra, para desarraigar da cidade do Senhor todos os que praticam a iniqüidade.

segunda-feira, 16 de agosto de 2010

SALMO 100


Hino de ingresso ao templo.


1 Celebrai com júbilo ao Senhor, todos os habitantes da terra.

2 Servi ao Senhor com alegria, e apresentai-vos a ele com cântico.

3 Sabei que o Senhor é Deus! Foi ele quem nos fez, e somos dele; somos o seu povo e ovelhas do seu pasto.

4 Entrai pelas suas portas com ação de graças, e em seus átrios com louvor; dai-lhe graças e bendizei o seu nome.

5 Porque o Senhor é bom; a sua benignidade dura para sempre, e a sua fidelidade de geração em geração.

UMA VIDA PARA CONSTRUIR...

...E uma atitude ou uma palavra para destruir...

Sensação nada agradável essa...as vezes me pego pensando em coisas que já fiz...em pessoas com quem convivi...amei...dediquei minha juventude...meus melhores dias...vem uma certa melancolia...parece que tudo que vivi...que fui...que abdiquei por um sonho...parece que acabou em um segundo...com algumas palavras mal ditas...ou atitudes abomináveis de pessoa que não sabem o que é amor incondicional...respeito,consideração...

Não sei se não soube amar ou se amei as pessoas erradas...

Mas uma coisa tenho certeza...eu amei...eu fui fiel...eu lutei...além de minhas forças...

Hoje por alguns minutos...sinto que minha luta me traiu..

Não tive quem me orientasse...como agir...mas mesmo assim...eu lutei...lutei e lutei da forma que achava a correta...mas infelizmente aqui estou...recomeçando como se nada tivesse vivido...ninguém conhecido...ninguém amado...

Penso que devo ter sido uma pessoa tola demais...quando me sentia amada...por marido,filha e até mesmo por alguns parentes e amigos...porque se tivesse sido amada mesmo,não estaria aqui...agora...assim.

Sempre...desde pequenina...me sentia tola...sempre achando que meu pai me amava...mas nem mesmo um abraço de feliz aniversário quando fiz dez anos ele me deu...nem mesmo olhou para mim...chorei muito...mas sempre achava uma desculpa por ele ter agido assim...achei que a vida tinha me transformado...me ensinado a ser diferente...hoje sei que não...continuo agindo da mesma forma...sempre tola...achando que pessoas me amam...tendo esperança de que uma dia meus sonhos irão se realizar...aqueles de ter uma família unida...que me ame incondicionalmente...me considere...

Sei que existe um Deus todo poderoso...que me guiou até aqui...mas acho que amor incondicional não está em seus planos para minha vida...então já estou me acostumando a ser um ser só...já estou me acostumando a contar somente com ELE...

A alguns minutos atrás...estava aqui,sozinha,meditando sobre essa situação...sobre tudo que tem acontecido em minha vida nos últimos anos...Casamentos desfeito...indiferença...falta de carinho de amor de pessoas da família...falta de respeito...falta de consideração...apesar de toda minha dedicação...

Palavras e atitudes não compreendidas...marcas...magoas e feridas...

Cansei...cansei de me dedicar e não ser entendida...amada...

Cansei de ser tratada com indiferença...como uma pessoa repugnante...uma pessoa qualquer sem importância...por outro lado percebi que já mudei muito pois a alguns meses atrás não conseguiria viver dessa forma...como se ninguém me conhecesse...sem ninguém se importando comigo...se estou bem...se enfim,existo...como se jamais tivesse dedicado mais de 30 anos a pessoas...como se tudo que vivi tivesse sido um sonho...que agora já acordada...nada é real...

Depois de tanto pensar...cada ano de minha vida que já passou...percebi que com certeza cometi erros...magoei pessoas...mas nada foi intencional e sim por pura tolice ou ignorância...falta de sabedoria...mas mesmo assim...não devo ser condenada à solidão e desprezo por ter sido humana...humanos são falho...todos somos...

Lembrei também de passagens recentes que marcaram muito...machucaram muito esse meu coração que já vem sido dilacerado desde que me entendo por gente...tipo...doença sem apoio...natal sozinha...dia das mães...e muitos outros momentos que deveriam ser momentos felizes...transformaram em momentos mais tristes da minha vida...no entanto isso tudo só me fez descobrir que sou uma pessoa forte...incansavel...com muita fé.

Desde pequenina era assim...ficava triste com muita falta de amor...carinho...com muita injustiça...chorava um pouco mas quando o choro parava...ficava mais forte...nunca desistia...seguia em frente...quase sempre sozinha...sem uma mão amiga ou familiar para me ajudar...só a madrasta para bater e humilhar...mas sempre soube que tinha um Deus que jamais me abandonaria...que estava sempre ao meu lado...que não deixava eu desistir...me abençoava com muita vontade de seguir em frente...hoje me sinto assim...com a mesma garra...apenas contando com ELE...não vou desistir...sei que ELE tem algum propósito para minha vida...se pessoas que amei não entenderam e não querem meu amor...eu sei que ELE quer...me ama também...na verdade já estou tanto tempo só que não sinto mais nada...nem saudades...nem falta...nada...parece até que estou anestesiada..nem me importo mais se mais um dia ninguém liga...ou me procura...ou quer saber como estou...não faz mais diferença...aliás...faz sim...a grande diferença é que agora não fico na expectativa de que irão me ligar pra saber como estou...assim não me machucam mais com seu silencio...sua ausência...sua indiferença...assim dói menos...

Fico tranquila porque amei com toda pureza do meu coração...fui esposa e mãe fiel...amiga também...não soube me fazer entender? Sinto muito mas amor é um sentimento tão nobre que para ser bom tem que ser compreendido e incondicional...não consigo lembrar de nada mais humilhante que mendigar amor...

Perdoou todos que me machucaram mas sinceramente não estou disposta a me arriscar em novamente ser humilhada com atitudes e palavras...a passar o natal sozinha porque pessoas da família acham que preciso ser curada dessa dependência de ter alguém ao lado no natal...

Alguns dias quando acordo por um momento penso,para que vou levantar?Trabalhar para que?Trabalhei tanto a minha vida toda e para que?Não tenho ninguém para dividir meus momentos e sonhos...para que então levantar...lutar? Mas em seguida vem uma voz dizendo..."confia em mim...eu estou contigo...tenha paciência...confia em mim"... então levanto...agradeço a Deus por mais uma noite bem dormida...por tudo que tenho...por mais esse presente que é esse dia...peço a ELE,que seja novamente minha rocha em que eu possa me apoiar...sigo em frente...confiante que algo de muito bom vai novamente acontecer em minha vida...eu creio...em nome de Jesus...amém.

Obrigado meu querido Pai...eu te AMO.

domingo, 15 de agosto de 2010

SALMO 99


A santidade de Deus.

1 O Senhor reina, tremam os povos; ele está entronizado sobre os querubins, estremeça a terra.

2 O Senhor é grande em Sião, e exaltado acima de todos os povos.

3 Louvem o teu nome, grande e tremendo; pois é santo.

4 És Rei poderoso que amas a justiça; estabeleces a eqüidade, executas juízo e justiça em Jacó.

5 Exaltai o Senhor nosso Deus, e prostrai-vos diante do escabelo de seus pés; porque ele é santo.

6 Moisés e Arão entre os seus sacerdotes, e Samuel entre os que invocavam o seu nome, clamavam ao Senhor, e ele os ouvia.

7 Na coluna de nuvem lhes falava; eles guardavam os seus testemunhos, e os estatutos que lhes dera.

8 Tu os ouviste, Senhor nosso Deus; tu foste para eles um Deus perdoador, embora vingador dos seus atos.

9 Exaltai o Senhor nosso Deus e adorai-o no seu santo monte, porque o Senhor nosso Deus é santo.

OLHOS AZUIS


Esta é uma “historinha”
que vai fazer você
pensar...
...e agradecer !

Emy era uma linda menina de 3 aninhos de idade...
Ela morava em algum lugar dos EUA, em frente ao mar.
Sua família era muito crente á Deus. Eles iam todos os domingos a igreja,todos juntos...oravam todos todas as noites... Emy era muito feliz !

Ela amava sua família e admirava os olhos azuis de seu pai, sua mãe e seus irmãos... Todos na casa de Emy tinham olhos azuis... Todos... MENOS.... Emy !!!
O sonho de Emy era ter olhos azuis como o mar...
Ah! como Emy desejava isso !!!!

Um dia, na igreja, ouviu o pastor dizer:
"DEUS RESPONDE A TODAS AS ORAÇÕES!“
Emy passou o dia todo pensando nisso... À noite, na hora de dormir, ajoelhou ao lado da sua cama e orou: "Papai do Céu, muito obrigada porque você criou o mar que é tão bonito!

" Muito obrigada pela minha família. Muito obrigada pela minha vida! Gosto muito de todas as coisas que você fez e faz!
Mas...gostaria de pedir...por favor... quando eu acordar amanhã, quero ter olhos azuis como os da mamãe ! Em nome de Jesus, amém.“

Ela teve fé. A fé pura e verdadeira de uma criança.
E, ao acordar, no dia seguinte, correu para o espelho. Olhou...e qual era a cor de seus olhos ?...
CONTINUAVAM CASTANHOS !! Por que Deus não ouviu Emy ? Por que não atendeu ao seu pedido ?

Isso teria fortalecido sua fé ?
Bem...naquele dia, Emy aprendeu que um NÃO também era resposta ! A menininha agradeceu a Deus do mesmo modo... mas...não entendia...só confiava.
Anos depois, Emy seguiu sua vocação e foi ser missionária na Índia.

Ela "comprava crianças para Deus" (as crianças eram vendidas por suas famílias - que passavam fome - para serem sacrificadas no templo, e Emy as "comprava" para libertá-las desse sacrifício . Mas, para poder entrar nos "templos" da Índia, sem ser reconhecida como estrangeira, precisou se disfarçar de indiana :

Passou pó de café na pele, cobriu os cabelos, vestiu-se como as mulheres do local e entrava livremente nos locais de venda de crianças. Emy podia caminhar tranquila em todo "mercado infantil", pois aparentava ser uma indiana.

Um dia, uma amiga missionária olhou para ela disfarçada e disse: "Puxa, Emy ! Você já pensou como você faria para se disfarçar se tivesse olhos claros como os de todos da sua família ? Que Deus inteligente nós servimos... Ele lhe deu olhos bem escuros, pois sabia que isso seria essencial para a missão que lhe confiaria depois !!!”

Essa amiga não sabia o quanto Emy havia chorado na infância por não ter olhos azuis... Mas Emy pôde, enfim, entender o porquê daquele não de Deus há tantos anos !
Bem...o que eu queria dizer com essa longa e bonita história ? Apenas dizer que
DEUS ESTÁ NO CONTROLE DE TUDO !!!

Ele conhece cada lágrima que já rolou do canto dos seus olhos... Ele sabe que, talvez, você quisesse ''olhos de outra cor''... Ele ouve, sim, TODAS as orações...
Mas Ele as responde de modo sábio ! Não precisa chorar se seus olhos continuam castanhos... ou se você ainda não foi atendida(o) como gostaria.

DEUS TEM O CONTROLE DE TUDO,SABE TODAS AS COISAS E O PORQUE DELAS. !!!
Tenha sempre esta certeza no seu coração !!

Que tal, agora, parar um pouquinho, e agradecer a DEUS por todas as maravilhas que ELE faz em sua vida?

Uma semana de muita PAZ pra você!QUE Deus continue te abençoando.

sábado, 14 de agosto de 2010

SALMO 98


A justiça do Senhor.


1 Cantai ao Senhor um cântico novo, porque ele tem feito maravilhas; a sua destra e o seu braço santo lhe alcançaram a vitória.

2 O Senhor fez notória a sua salvação, manifestou a sua justiça perante os olhos das nações.

3 Lembrou-se da sua misericórdia e da sua fidelidade para com a casa de Israel; todas as extremidades da terra viram a salvação do nosso Deus.

4 Celebrai com júbilo ao Senhor, todos os habitantes da terra; dai brados de alegria, regozijai-vos, e cantai louvores.

5 Louvai ao Senhor com a harpa; com a harpa e a voz de canto.

6 Com trombetas, e ao som de buzinas, exultai diante do Rei, o Senhor.

7 Brame o mar e a sua plenitude, o mundo e os que nele habitam;

8 batam palmas os rios; à uma regozijem-se os montes

9 diante do Senhor, porque vem julgar a terra; com justiça julgará o mundo, e os povos com eqüidade.

sexta-feira, 13 de agosto de 2010

POIS É !


Estou aqui esperando a hora certa chegar...

Essa tal hora muito mudará minha vida...

A expectativa é grande...

Pensamentos invadem minha mente...

Como será?

De qualquer forma...estou pronta para o que tiver que acontecer...apenas espero a hora certa chegar...

Hora tão esperada...tão desejada...tão definitiva para minha vida...

Espero que seja realmente a hora esperada...da forma esperada...ai então tudo se fará perfeito.

Espero...espero e espero...não me canso de esperar porque sei que ...vai valer a pena...vai valer a pena eu sei...

SALMO 97


A majestade e o dominio de Deus.

1 O Senhor reina, regozije-se a terra; alegrem-se as numerosas ilhas.

2 Nuvens e escuridão estão ao redor dele; justiça e eqüidade são a base do seu trono.

3 Adiante dele vai um fogo que abrasa os seus inimigos em redor.

4 Os seus relâmpagos alumiam o mundo; a terra os vê e treme.

5 Os montes, como cerca, se derretem na presença do Senhor, na presença do Senhor de toda a terra.

6 Os céus anunciam a sua justiça, e todos os povos vêem a sua glória.

7 Confundidos são todos os que servem imagens esculpidas, que se gloriam de ídolos; prostrai-vos diante dele, todos os deuses.

8 Sião ouve e se alegra, e regozijam-se as filhas de Judá por causa dos teus juízos, Senhor.

9 Pois tu, Senhor, és o Altíssimo sobre toda a terra; tu és sobremodo exaltado acima de todos os deuses.

10 O Senhor ama aos que odeiam o mal; ele preserva as almas dos seus santos, ele os livra das mãos dos ímpios.

11 A luz é semeada para o justo, e a alegria para os retos de coração.

12 Alegrai-vos, ó justos, no Senhor, e rendei graças ao seu santo nome.

DÊ SEMPRE O MELHOR ...E O MELHOR VIRÁ...



Às vezes as pessoas são
egocêntricas, ilógicas e
insensatas...
Perdoe-as assim mesmo!

Se você é gentil, as pessoas
podem acusá-lo de
egoísta e interesseiro...
Seja gentil assim mesmo!

Se você é um vencedor, terá
alguns falsos amigos e
alguns inimigos verdadeiros...
Vença assim mesmo!

Se você é honesto e franco,
as pessoas podem enganá-lo...
Seja honesto e franco
assim mesmo!

O que você levou anos para
construir, alguém pode
destruir de uma hora
para outra...
Construa assim mesmo!

Se você tem paz e é feliz,
as pessoas podem sentir inveja...
Tenha paz e seja feliz
assim mesmo!

O bem que você faz hoje,
pode ser esquecido amanhã...
Faça o bem assim mesmo!

Dê ao mundo o melhor de você,
mas isso pode nunca ser o
bastante...
Dê o melhor de você
assim mesmo!

E veja você que,
no final das contas,
é entre você e DEUS...
Nunca foi entre você e eles!
M.T.C.

quinta-feira, 12 de agosto de 2010

TOC TOC TOC...


"Já estou crucificado com Cristo; e vivo, não mais eu, mas Cristo vive em mim; e a vida que agora vivo na carne, vivo-a na fé do Filho de Deus, o qual me amou, e se entregou a si mesmo por mim." Gálatas 2:20.

Eu estava brincando com meu filho Josh, numa tarde bastante agradável, no sofá de nossa sala de estar.

Em determinado momento, eu fechei os dedos em minha mão e bati de leve em sua cabeça, perguntando: "Está Josh em casa?"

Ele riu bastante. De repente, virando-se com uma expressão séria, fechou também a sua mão e, batendo também de leve em meu peito, perguntou:

"Papai, está Jesus em casa?" (Rev. Matt Neace)

Quem tem estado dentro de nosso coração?

Quem tem dirigido a nossa casa espiritual?

Será que há alguém em casa? E se há, quem está lá?

Quando Jesus está em nossa casa, tudo se torna mais fácil e da janela de nossa alma o mundo é muito mais bonito.

Os nossos olhos contemplam cenários de júbilo e o nosso coração bate com a sensação de grandes vitórias.

Com Jesus em casa nada temos a temer e temos a perfeita confiança de que nossos pés caminharão sempre na direção certa. 

Ele nos orientará e nos guardará em todas as circunstâncias.

Quando um amigo, ou parente, ou qualquer pessoa que encontramos na rua bate na porta de nosso coração, quem responde? 

Jesus com Seu amor, Sua ternura, Sua amizade, Sua verdade, Sua misericórdia, 

Sua palavra de vida ou a nossa arrogância, prepotência, egoísmo, vaidade, indiferença?

Se a nossa vida não é perfeitamente feliz, se as aflições têm nos acompanhado em todos os lugares, se a insatisfação tem dominado nossos dias, convidemos o Senhor Jesus para vir morar em nossa casa espiritual. 

Ele acenderá todas as lâmpadas ao redor e a nossa porta de entrada estará sempre aberta para a felicidade.

Se você ouvir um toc, toc, toc seguido da pergunta: 

"Há alguém em casa?"
 
Responda com o sorriso característico daqueles que são abençoados por Deus: 

"Sim, Jesus está!" 

Paulo Roberto Barbosa
Colaboração de Uma Amiga de Deus Ana Patricia de Oliveira

QUE LUGAR É ESSE?


Onde ninguém me conhece...

Onde todos parecem estranhos...

Onde nenhum lugar lembra nada...

Onde nada lembra lugares onde já morei,trabalhei ou alguém de minha convivência...

Que lugar é esse que por mais que procure não reconheço uma só pessoa...

Que nada que faço me faz lembrar algo do passado...

Que não tenho ninguém conhecido para poder falar ou perguntar sobre algo ou de alguém...

Que lugar é esse que depois de mais de cinquenta anos me sinto sem feitos...sem raízes...sem parentes...família ou amigos...

Que lugar é esse na minha vida que parece que hoje nasci...que nada vivi...nada e ninguém conquistei...ninguém me amou ou amei...

Que lugar é esse que me deixa a sensação de ter corrido atrás do vento...sem laços ou abraços...

Que lugar é esse...que tudo tenho a fazer...todos a conquistar...tudo novamente...

Que lugar é esse?sem parentes...conhecido,companheiro ou amigos...seres humanos sumiram...como diz Lazaro..."entrei no mar a fora,não vejo mais o cais,só Deus e eu agora."

Por outro lado...sem más lembranças ou magoas...como se anestesiada fosse...todos desaparecem,mas uma força me fortalece,sigo em frente...um dia tudo será conhecido...amigo...familia...amor...sei que tudo valerá a pena...eu sei...eu creio...em nome de Jesus...amém.

O SOFRIMENTO FAZ PARTE DE NOSSO VIVER...


"Porque para mim tenho por certo que as aflições deste tempo presente não são para comparar com a glória que em nós há de ser revelada." Romanos 8:18

Não existe ninguém que tenha passado pela vida sem que experimentasse algum tipo de sofrimento: físico, emocional, financeiro...

O sofrimento faz parte do nosso viver.

Bem diz o poeta Fernando Pessoa: "Quem passou pela vida em brancas nuvens e em Plácido repouso adormeceu.
Quem não sentiu o frio da desgraça, Quem passou pela vida e não sofreu, Foi espectro de homem, não foi homem.
Só passou pela vida, não viveu".

Realmente, quem pode dizer que nunca sofreu?

Existem, porém, os que sofrem, se desesperam e sucumbem; e os que sofrem, buscam a Deus e se levantam.

"Eu sou aquele que vos consola..." (Isaías 51:12).

"O Senhor é também alto refúgio para o oprimido, refúgio nas horas de tribulação" (Salmos 9:9).

Deus nos prova na fornalha da aflição.
É através do sofrimento que somos provados.
Ele nos afirma que nos fará passar pelo fogo e nos purificará, como se purifica a prata, e nos provará, como se prova o ouro (Zacarias 13:9).

Não se deixe vencer e nem se abata por causa dos sofrimentos que tiver que passar.

Chegue-se a Deus pois aquilo que sofremos agora é insignificante se compararmos com a glória que Ele nos dará mais tarde.

"Bem-aventurado o homem que suporta com perseverança a provação porque, depois de ter sido aprovado, receberá a coroa da vida, a qual o Senhor prometeu aos que O amam" Tiago 1:12.

Não me escolhestes vós a mim, mas eu vos escolhi a vós, e vos nomeei, para que vades e deis fruto, e o vosso fruto permaneça; a fim de que tudo quanto em meu nome pedirdes ao Pai Ele vo-lo conceda. João 15:16
Desconheço o Autor
Colaboração de Um Amigo de Deus Jorge

SALMO 96


Tributo à glória e majestade de Deus.

1 Cantai ao Senhor um cântico novo, cantai ao Senhor, todos os moradores da terra.

2 Cantai ao Senhor, bendizei o seu nome; anunciai de dia em dia a sua salvação.

3 Anunciai entre as nações a sua glória, entre todos os povos as suas maravilhas.

4 Porque grande é o Senhor, e digno de ser louvado; ele é mais temível do que todos os deuses.

5 Porque todos os deuses dos povos são ídolos; mas o Senhor fez os céus.

6 Glória e majestade estão diante dele, força e formosura no seu santuário.

7 Tributai ao Senhor, ó famílias dos povos, tributai ao Senhor glória e força.

8 Tributai ao Senhor a glória devida ao seu nome; trazei oferendas, e entrai nos seus átrios.

9 Adorai ao Senhor vestidos de trajes santos; tremei diante dele, todos os habitantes da terra.

10 Dizei entre as nações: O Senhor reina; ele firmou o mundo, de modo que não pode ser abalado. Ele julgará os povos com retidão.

11 Alegrem-se os céus, e regozije-se a terra; brame o mar e a sua plenitude.

12 Exulte o campo, e tudo o que nele há; então cantarão de júbilo todas as árvores do bosque

13 diante do Senhor, porque ele vem, porque vem julgar a terra: julgará o mundo com justiça e os povos com a sua fidelidade.