Loading...
Loading...
Loading...
Loading...

UBE

Loading...
Loading...

Rosas pra você

Loading...

online

Loading...

ELE É...O MEU DEUS DO IMPOSSÍVEL...

Loading...

quinta-feira, 30 de setembro de 2010

SALMO 140


Contra inimigos e perfídias.

1 Livra-me, ó Senhor, dos homens maus; guarda-me dos homens violentos,

2 os quais maquinam maldades no coração; estão sempre projetando guerras.

3 Aguçaram as línguas como a serpente; peçonha de áspides está debaixo dos seus lábios.

4 Guarda-me, ó Senhor, das mãos dos ímpios; preserva-me dos homens violentos, os quais planejaram transtornar os meus passos.

5 Os soberbos armaram-me laços e cordas; estenderam uma rede à beira do caminho; puseram-me armadilhas.

6 Eu disse, ao Senhor: Tu és o meu Deus; dá ouvidos, ó Senhor, à voz das minhas súplicas.

7 ó Senhor, meu Senhor, meu forte libertador, tu cobriste a minha cabeça no dia da batalha.

8 Não concedas, ó Senhor, aos ímpios os seus desejos; não deixes ir por diante o seu mau propósito.

9 Não levantem a cabeça os que me cercam; cubra-os a maldade dos seus lábios.

10 Caiam sobre eles brasas vivas; sejam lançados em covas profundas, para que não se tornem a levantar!

11 Não se estabeleça na terra o caluniador; o mal persiga o homem violento com golpe sobre golpe.

12 Sei que o Senhor manterá a causa do aflito, e o direito do necessitado.

13 Decerto os justos louvarão o teu nome; os retos habitarão na tua presença.

Nunca "asas quebradas" voaram tão alto na graça de Deus.


"Disse mais: Eu sou o Deus de teu pai, o Deus de Abraão, o Deus de Isaque, e o Deus de Jacó. E Moisés encobriu o seu rosto, porque temeu olhar para Deus." Êxodo, 3.6

Há um velho provérbio anglo-saxônico que diz:

"um pássaro com asa quebrada nunca mais voará tão alto ".

Em outras palavras, uma vez que nós tenhamos caído, jamais conseguiremos nos levantar totalmente como dantes.
Uma vez caído, sempre caído.

"Afinal, não se pode esperar muito de um pássaro com a asa quebrada".

Como parecem soar sábias as palavras deste trecho agridoce da poesia de Hezekiah Butterworth; pelo menos, até o ponto em que iluminamos com a lanterna poderosa das Escrituras, quando tal sabedoria revela-se inconsistente, espúria e sem lastro bíblico.

Na verdade, se fôssemos dar outro nome adequado à Palavra de Deus, deveríamos chama-la de " A Galeria das Asas Quebradas" - homens que falharam, caíram - muitos deles fragorosamente -, mas que pelas cordas da misericórdia de Deus e de Sua graça incompreensível, foram guindados de seus fracassos às alturas dos grandes heróis da fé.

Como é bom pensarmos que o nosso Deus é o Deus de Abraão - que mentiu gritantemente, falseando a verdade, e mesmo depois de ter mentido por duas vezes foi reconhecido como "o amigo de Deus".
Com sua "asa quebrada", Abraão voou mais alto do que ele ou qualquer outro havia voado.

Como é bom pensarmos que o nosso Deus é o Deus de Jacó - trapaceiro e enganador - na maioria das vezes sem quaisquer escrúpulos - candidato in extremis a caso perdido.
Contudo, não obstante a esse "currículo invejável" Deus o elevou de tal modo que o seu velho nome não pôde conter tanta glória, e de Jacó, passou a chamar-se Israel.

Como é bom pensarmos que o nosso Deus é o Deus de Raabe, a prostituta, mulher da zona de meretrício. Como Deus a usou não obstante a sua baixa reputação!
A despeito de suas asas quebradas, Deus a escolheu como um instrumento, nãosó para salvar a vida de dois de seus corajosos servos, como para trazer o Seu Filho ao mundo.

Nunca "asas quebradas" voaram tão alto na graça de Deus.

Como é bom saber que o nosso Deus é o Deus de Davi, que embora Seu servo, aquinhoado com toda sorte de bênçãos, inebriado pelas tépidas ilusões do pecado, entregou-se a flagelante malignidade do adultério e do assassínio.
Contudo, suas "asas quebradas" não lhe impediram de ser chamado o homem segundo o coração de Deus.

Sim! A Bíblia é a galeria das "Asas Quebradas".

Porque o nosso Deus é o Deus que prefere usar pessoas de asas quebradas.

Aliás, se Deus não fosse o Deus que usa "os de asas quebradas", nós não estaríamos lendo esse Pão Quente agora.

Todos esses grandes homens e mulheres que se tornaram os grandes heróis da fé, os gigantes dentre o povo de Deus, um dia tiveram as suas asas quebradas pelo deslize, pelo tombo do fracasso e do pecado.
Deus os encontrou assim. E os fez voar como nunca antes feito e imaginado.

Quem sabe, no meio dessa conjuntura evangélica em que nós vivemos, onde somos levados por um legalismo exacerbado e farisaico a pensar que não há mais espaço nos planos de Deus para os que caem e deslizam, não estejamos nos sentindo descartados, riscados da agenda divina, deletados de Sua memória, jogados em Sua lixeira cósmica.

Moisés, que um dia esteve assim depois de seus fracassos como libertador, ouviu do Senhor uma palavra maravilhosa que lhe trouxe duas verdades acerca do Deus que ele mesmo desconhecia.

1. Deus é o Deus dos Homens que Fracassam.
Quando Deus disse a Moisés que Ele era o Deus de Abraão, Isaque e Jacó, aparentemente parecia estar listando os nomes dos primeiros superstars da Bíblia - superficial interpretação.
Na verdade, o que Deus estava dizendo para Moisés quando cita os patriarcas é que Ele é Deus de Homens que fracassam.
Todos eles tiveram as asas quebradas, fracassaram em algum ponto de suas vidas, deram com a cara no lodo da vida.
Foram imperfeitos.
Mas subiram às alturas porque souberam confiar no Deus que usa os homens, mesmo quando estes fracassam.

2. Deus é o Deus da Segunda Chance.
A rigor, todo homem fracassa, mais cedo ou mais tarde.
Uns percebem isso mais cedo, outros mais tarde.
Mas quando homens de Deus que um dia fracassaram conseguem galgar a galeria dos grandes heróis da fé é por que o nosso Deus é o Deus da segunda chance, da
segunda oportunidade.
É o Deus disposto a reescrever a nossa história.
Aquele era a chance de Moisés descobrir isso de modo maravilhoso.
Eu já tive o meu dia.
Talvez hoje seja o seu.

Antes de pensar em desistir por causa de asas quebradas, gostaríamos que meditasse nisso.

A Bíblia *NÃO É UM LIVRO DE HOMENS PERFEITOS - É O LIVRO DE HOMENS
RESTAURADOS PELA GRAÇA E O SANGUE DE JESUS.

Pensemos nisso. Que Deus nos abençoe. Amém !!!

Carlos Augusto Lopes

Mensagem Postada no Grupo em 09/08/2007

Colaboração de Uma Amiga de Deus

quarta-feira, 29 de setembro de 2010

SALMO 139


Deus onisciente e onipotente.

1 Senhor, tu me sondas, e me conheces.

2 Tu conheces o meu sentar e o meu levantar; de longe entendes o meu pensamento.

3 Esquadrinhas o meu andar, e o meu deitar, e conheces todos os meus caminhos.

4 Sem que haja uma palavra na minha língua, eis que, ó Senhor, tudo conheces.

5 Tu me cercaste em volta, e puseste sobre mim a tua mão.

6 Tal conhecimento é maravilhoso demais para mim; elevado é, não o posso atingir.

7 Para onde me irei do teu Espírito, ou para onde fugirei da tua presença?

8 Se subir ao céu, tu aí estás; se fizer no Seol a minha cama, eis que tu ali estás também.

9 Se tomar as asas da alva, se habitar nas extremidades do mar,

10 ainda ali a tua mão me guiará e a tua destra me susterá.

11 Se eu disser: Ocultem-me as trevas; torne-se em noite a luz que me circunda;

12 nem ainda as trevas são escuras para ti, mas a noite resplandece como o dia; as trevas e a luz são para ti a mesma coisa.

13 Pois tu formaste os meus rins; entreteceste-me no ventre de minha mãe.

14 Eu te louvarei, porque de um modo tão admirável e maravilhoso fui formado; maravilhosas são as tuas obras, e a minha alma o sabe muito bem.

15 Os meus ossos não te foram encobertos, quando no oculto fui formado, e esmeradamente tecido nas profundezas da terra.

16 Os teus olhos viram a minha substância ainda informe, e no teu livro foram escritos os dias, sim, todos os dias que foram ordenados para mim, quando ainda não havia nem um deles.

17 E quão preciosos me são, ó Deus, os teus pensamentos! Quão grande é a soma deles!

18 Se eu os contasse, seriam mais numerosos do que a areia; quando acordo ainda estou contigo.

19 Oxalá que matasses o perverso, ó Deus, e que os homens sanguinários se apartassem de mim,

20 homens que se rebelam contra ti, e contra ti se levantam para o mal.

21 Não odeio eu, ó Senhor, aqueles que te odeiam? e não me aflijo por causa dos que se levantam contra ti?

22 Odeio-os com ódio completo; tenho-os por inimigos.

23 Sonda-me, ó Deus, e conhece o meu coração; prova-me, e conhece os meus pensamentos;

24 vê se há em mim algum caminho perverso, e guia-me pelo caminho eterno.

Fazei-o vós também a eles...


"Tudo quanto, pois, quereis que os homens vos façam, fazei-o vós também a eles" Mateus 7:12

Um senhor de idade foi morar com seu filho, a nora e o netinho de 4 anos de idade.

As mãos do velho eram trêmulas, sua visão, embaçada, e seus passos, vacilantes.

A família comia reunida à mesa.

Mas, as mãos trêmulas e a visão falha do avô atrapalhavam na hora de comer.

Quando pegava o copo, o leite era derramado na toalha da mesa e o filho e a nora irritavam-se com a bagunça.

Então decidiram colocar uma pequena mesa num cantinho da cozinha.

Ali, o avô comia sozinho, enquanto o restante da família fazia as refeições à mesa, com satisfação e, desde que o velho quebrara um ou dois pratos, sua comida passara a ser servida numa tigela de madeira.

Quando a família olhava para o avô sentado ali, sozinho, às vezes via lágrimas correndo de seus olhos.

Mesmo assim, as únicas palavras que lhe dirigiam eram admoestações ásperas - especialmente quando deixava um talher ou a comida cair ao chão.

Seu netinho, o menino de 4 anos de idade, assistia a tudo em silêncio.

Uma noite, antes do jantar, o pai percebeu que ele estava no chão, montando algo com pedaços de madeira, então perguntou delicadamente o que estava fazendo.

O menino respondeu, docemente:

- Estou fazendo uma tigela para você e para a mamãe comerem, quando eu crescer.

E continuou trabalhando em sua tigela.

Aquelas palavras tiveram um impacto tão grande nos pais que ficaram mudos.

Caindo em si, lágrimas começaram a correr de seus olhos.

Embora ninguém tivesse falado nada, o casal sabia o que precisava ser feito: naquela mesma noite o pai tomou o avô pelas mãos e gentilmente conduziu-o à mesa da família.

Dali para frente e até o final de seus dias, o velhinho comeu todas as refeições com a família.

E, por alguma razão, o marido e a esposa não se importavam mais quando um garfo caía, o leite era derramado ou a toalha da mesa sujava com o caldo de feijão.

Tenhamos uma ótima semana com as Bênçãos de Deus em nossas Vidas

Mensagem Postado no Grupo 13/08/2007 (Avô)

Colaboração de Uma Amiga de Deus

terça-feira, 28 de setembro de 2010

SALMO 138


Graças a Deus por sua fidelidade.

1 Graças te dou de todo o meu coração; diante dos deuses a ti canto louvores.

2 Inclino-me para o teu santo templo, e louvo o teu nome pela tua benignidade, e pela tua fidelidade; pois engrandeceste acima de tudo o teu nome e a tua palavra.

3 No dia em que eu clamei, atendeste-me; alentaste-me, fortalecendo a minha alma.

4 Todos os reis da terra te louvarão, ó Senhor, quando ouvirem as palavras da tua boca;

5 e cantarão os caminhos do Senhor, pois grande é a glória do Senhor.

6 Ainda que o Senhor é excelso, contudo atenta para o humilde; mas ao soberbo, conhece-o de longe.

7 Embora eu ande no meio da angústia, tu me revivificas; contra a ira dos meus inimigos estendes a tua mão, e a tua destra me salva.

8 O Senhor aperfeiçoará o que me diz respeito. A tua benignidade, ó Senhor, dura para sempre; não abandones as obras das tuas mãos.

Tu, meu amigo, onde está posta a tua fé?

"ORA, a fé é o firme fundamento das coisas que se esperam, e a prova das coisas que se não vêem." Hebreus 11:1

Há pessoas que crêem e outras que não crêem. Infelizmente, parece que são muitas mais as que crêem erradamente do que as que têm bem firmada a sua fé. Há as que crêem em coisas incríveis, e outras que se recusam a crer em coisas evidentes e certas.

Paulo, escreveu: - "E dou graças ao que me tem confortado, a Cristo Jesus SENHOR nosso, porque me teve por fiel, pondo-me no ministério;" I Timóteo 1:12 e concluía a sua mensagem, plena de fé: - "Combati o bom combate, acabei a carreira, guardei a fé. Desde agora, a coroa da justiça me está guardada, a qual o Senhor, justo juiz, me dará naquele dia; e não somente a mim, mas também a todos os que amarem a sua vinda." II Timóteo 4:7, 8.

Eu creio e sei também em quem tenho crido e no que tenho crido - JESUS CRISTO, O SENHOR e na Sua Santa e infalível Palavra (II Timóteo 3:16-17; Filipenses 2:5-11).

Tu, meu amigo, onde está posta a tua fé?

Quem aceitas e em quem crês como Salvador?

Quem é o teu refúgio na hora do temporal?

Há dias, ouvia a história de uma criancinha de cinco anos que, olhando para os estertores da morte da sua cadelinha, dizia para o avô: - "deixa, avô, não te preocupes, o Senhor Jesus vai cuidar dela e curá-la". E não é que cuidou mesmo?

Deus responde à oração da fé, dos jovens e dos adultos, das crianças e dos velhos, desde que seja uma oração de fé honesta e verdadeira.

Desconheço o Autor

Colaboração de Uma Amiga de Deus Rosana Souza Boaventura

segunda-feira, 27 de setembro de 2010

SALMO 137


Saudades da pátria.

1 Junto aos rios de Babilônia, ali nos assentamos e nos pusemos a chorar, recordando-nos de Sião.

2 Nos salgueiros que há no meio dela penduramos as nossas harpas,

3 pois ali aqueles que nos levaram cativos nos pediam canções; e os que nos atormentavam, que os alegrássemos, dizendo: Cantai-nos um dos cânticos de Sião.

4 Mas como entoaremos o cântico do Senhor em terra estrangeira?

5 Se eu me esquecer de ti, ó Jerusalém, esqueça-se a minha destra da sua destreza.

6 Apegue-se-me a língua ao céu da boca, se não me lembrar de ti, se eu não preferir Jerusalém à minha maior alegria.

7 Lembra-te, Senhor, contra os edomitas, do dia de Jerusalém, porque eles diziam: Arrasai-a, arrasai-a até os seus alicerces.

8 Ah! filha de Babilônia, devastadora; feliz aquele que te retribuir consoante nos fizeste a nós;

9 feliz aquele que pegar em teus pequeninos e der com eles nas pedra.

domingo, 26 de setembro de 2010

SALMO 136


A misericórdia de Deus.


1 Dai graças ao Senhor, porque ele é bom; porque a sua benignidade dura para sempre.

2 Dai graças ao Deus dos deuses, porque a sua benignidade dura para sempre

3 Dai graças ao Senhor dos senhores, porque a sua benignidade dura para sempre;

4 ao único que faz grandes maravilhas, porque a sua benignidade dura para sempre;

5 àquele que com entendimento fez os céus, porque a sua benignidade dura para sempre;

6 àquele que estendeu a terra sobre as águas, porque a sua benignidade dura para sempre;

7 àquele que fez os grandes luminares, porque a sua benignidade dura para sempre;

8 o sol para governar de dia, porque a sua benignidade dura para sempre;

9 a lua e as estrelas para presidirem a noite, porque a sua benignidade dura para sempre;

10 àquele que feriu o Egito nos seus primogênitos, porque a sua benignidade dura para sempre;

11 e que tirou a Israel do meio deles, porque a sua benignidade dura para sempre;

12 com mão forte, e com braço estendido, porque a sua benignidade dura para sempre;

13 àquele que dividiu o Mar Vermelho em duas partes, porque a sua benignidade dura para sempre;

14 e fez passar Israel pelo meio dele, porque a sua benignidade dura para sempre;

15 mas derrubou a Faraó com o seu exército no Mar Vermelho, porque a sua benignidade dura para sempre;

16 àquele que guiou o seu povo pelo deserto, porque a sua benignidade dura para sempre;

17 àquele que feriu os grandes reis, porque a sua benignidade dura para sempre;

18 e deu a morte a reis famosos, porque a sua benignidade dura para sempre.

19 a Siom, rei dos amorreus, porque a sua benignidade dura para sempre;

20 e a Ogue, rei de Basã, porque a sua benignidade dura para sempre;

21 e deu a terra deles em herança, porque a sua benignidade dura para sempre;

22 sim, em herança a Israel, seu servo, porque a sua benignidade dura para sempre;

23 que se lembrou de nós em nossa humilhação, porque a sua benignidade dura para sempre;

24 e nos libertou dos nossos inimigos, porque a sua benignidade dura para sempre;

25 que dá alimento a toda a carne, porque a sua benignidade dura para sempre.

26 Dai graças ao Deus dos céus, porque a sua benignidade dura para sempre.

CEGUEIRA...


Eu mesma vivi anos e anos assim...cegueira total...pessoas me magoavam...me humilhavam...escravizaram...eu fazia de conta que era porque estavam nervosas e preocupadas com problemas do dia a dia...assim vivi mais da metade da minha vida,infeliz...mas o meu querido Pai me afastou de toda essa infelicidade...to aprendendo...tenho muito ainda que mudar...agradeço a Deus por ter me afastado daquela vida...de ter tirado as vendas dos meus olhos...me mostrado uma outra vida...

Hoje vejo essas mesmas pessoas,que tanto me machucaram, vivendo uma vida de completa cegueira...
Trabalham dia e noite sem cessar...correndo atrás de não sei o que porque não há resultado positivo para toda essa dedicação...não são capaz de parar e pensar aonde estão indo...onde vai dar esse caminho...na verdade parecem fugir de si mesmo...de seus conflitos interiores...do óbvio...

O tempo não para...nenhum segundo volta mais...todos esses minutos desperdiçados jamais retornaram e poderão fazer muita falta...devemos aproveitar cada um deles para fazer o bem...amar...ser generoso...carinhoso...humano...amigo...enfim...devemos usar nosso tempo para praticar o bem em todos os sentido e não dar dinheiro à alguém e achar que está sendo humano...ser humano é acima de tudo estender a mão mesmo que seja num simples aperto de mão...ser humano é dar um abraço a quem sabemos que está passando uma fase difícil...dar atenção à quem sabemos que nos ama e que sente nossa falta e precisa de nós...ser humano é acima de tudo nos amar...cuidar da vida que ganhamos...zelar por ela...fazer o que for necessário para que essa vida valha a pena nessa terra,que seja um exemplo de bondade e amor...que essa vida que Deus nos presenteou cumpra seu propósito antes do dia do julgamento...que sejamos semelhança DELE,que essa nossa vida seja uma vida feliz...abençoada por ELE...

Simples...decidir...é só refletir...essa vida que vivo me satisfaz o dia inteiro ou apenas alguns segundos?...me dá alegrias...felicidade...paz?...a mim às pessoas que amo,que me amam também?

Meu PAI...quero te pedir misericódia de minha vida e da vida dessas pessoas que TU sabes o quanto precisam de TI...cuida...abençoa e salva nos em nome de Jesus...amém.

sábado, 25 de setembro de 2010

SALMO 135


Louvores a Deus.

1 Louvai ao Senhor. Louvai o nome do Senhor; louvai-o, servos do Senhor,

2 vós que assistis na casa do Senhor, nos átrios da casa do nosso Deus.

3 Louvai ao Senhor, porque o Senhor é bom; cantai louvores ao seu nome, porque ele é bondoso.

4 Porque o Senhor escolheu para si a Jacó, e a Israel para seu tesouro peculiar.

5 Porque eu conheço que o Senhor é grande e que o nosso Senhor está acima de todos os deuses.

6 Tudo o que o Senhor deseja ele o faz, no céu e na terra, nos mares e em todos os abismos.

7 Faz subir os vapores das extremidades da terra; faz os relâmpagos para a chuva; tira os ventos dos seus tesouros.

8 Foi ele que feriu os primogênitos do Egito, desde os homens até os animais;

9 que operou sinais e prodígios no meio de ti, ó Egito, contra Faraó e contra os seus servos;

10 que feriu muitas nações, e matou reis poderosos:

11 a Siom, rei dos amorreus, e a Ogue, rei de Basã, e a todos os reinos de Canaã;

12 e deu a terra deles em herança, em herança a Israel, seu povo.

13 O teu nome, ó Senhor, subsiste para sempre; e a tua memória, ó Senhor, por todas as gerações.

14 Pois o Senhor julgará o seu povo, e se compadecerá dos seus servos.

15 Os ídolos das nações são prata e ouro, obra das mãos dos homens;

16 têm boca, mas não falam; têm olhos, mas não vêem;

17 têm ouvidos, mas não ouvem; nem há sopro algum na sua boca.

18 Semelhantemente a eles se tornarão os que os fazem, e todos os que neles confiam.

19 ó casa de Israel, bendizei ao Senhor; ó casa de Arão, bendizei ao Senhor;

20 ó casa de Levi, bendizei ao Senhor; vós, os que temeis ao Senhor, bendizei ao Senhor.

21 Desde Sião seja bendito o Senhor, que habita em Jerusalém. Louvai ao Senhor.

sexta-feira, 24 de setembro de 2010

SALMO 134


Convocando ao culto vespertino.


1 Eis aqui, bendizei ao Senhor, todos vós, servos do Senhor, que de noite assistis na casa do Senhor.

2 Erguei as mãos para o santuário, e bendizei ao Senhor.

3 Desde Sião te abençoe o Senhor, que fez os céus e a terra.

COMO É DIFICIL MUDAR...

"Tentei...muitas vezes tentei mas não consigo...prometo a mim mesmo mas de nada adianta...sinto falta de pessoas...da minha família...de muitos amigos...mas não consigo mudar...essa dependência me afastou de tudo e de todos que poderiam fazer da minha vida uma vida normal...

Perdi meu lar...amigos...muito tempo...e não consigo mudar...

Passei mais de um natal sozinho...ano novo...aniversários...datas comemorativas que antes era uma festa,uma alegria para mim...agora passo só...e não consigo mudar...

Trabalho praticamente vinte e quatro horas...porque não consigo administrar meu dinheiro...sempre estourando o orçamento...nunca controlo a saída...só comemoro as entradas...mas sem priorizar os investimentos...resultado...noites e noites fazendo cálculos...planejando como fazer para cobrir os vencimentos do próximo dia...e não consigo mudar...

Como é difícil mudar hábitos...

Como é difícil abandonar vícios...

Vícios de cigarros...de gastos sem controle...vicio de deixar tudo para ultima hora...vicio de fantasiar...vicio de virar a cabeça de meninas...vicio de me apaixonar por essas mesmas meninas...vicio de criar um mundo só meu...amar e sofrer como se vivesse em um filme...vicio de fazer de conta que estou vivendo...e o tempo passando... como é difícil mudar...

Já perdi tanto...hoje vivo cada segundo achando que no próximo posso não mais estar aqui...porque a vida desregrada que levo...stress,má alimentação,noites e noites praticamente sem dormir...fumando...mais de quatro carteiras de cigarro por dia...nada de exercícios físico... como é difícil mudar...

Quantas maravilhas deixei de viver com minha família....quantos momentos perdidos...quantos abraços não dados...quantos sorrisos negado...quanto amor desperdiçado...quantas magoas já causei em pessoas que me amaram incondicionalmente...quanto sofrimento...quantas mentiras...quantas lágrimas...como é difícil mudar...

Já chorei muito sozinho...já me decepcionaram também...já fui muito humilhado...desprezado...mas como é difícil mudar...

As vezes sinto falta do aconchego do meu lar...até penso...podia pedir perdão a minha família e tentar viver uma vida dentro dos padrões normais...aproveitar o que ainda nos resta de vida...mas sei que não tenho forças para mudar...então de nada adianta tentar...seria só para o sofrimento aumentar...já os machuquei muito...como é difícil mudar... ... ... ... ...ainda tem muito mais...mas NÃO CONSIGO MUDAR..."


ESSE É O DEPOIMENTO DE UMA PESSOA VICIADA EM INTERNET...UMA DAS TANTAS QUE EXISTEM HOJE...UMA PESSOA QUE APESAR DE SE ACHAR FRACO PELO MENOS ADMITE QUE ESTÁ ERRADO...QUE É UM VICIADO...QUE ATÉ GOSTARIA DE TER FORÇA PARA MUDAR...MAS SEGUNDO ELE...NÃO CONSEGUE...UMA PESSOA DO MUNDO...QUE ACHA QUE PEQUENOS PRAZERES É VIVER...UMA PESSOA QUE VIVE DE ILUSÃO...UMA PESSOA QUE NÃO CONHECE E RELUTA EM CONHECER O MEU DEUS DO IMPOSSÍVEL...UMA PESSOA QUE NÃO SABE O PODER DO MEU DEUS...NÃO SABE QUE "ELE"ESTÁ ALI AO SEU LADO...TRISTE EM VER O QUE ESTÁ FAZENDO COM SUA VIDA... SÓ ESPERANDO SER CHAMADO...PARA ASSIM PODER MOSTRAR QUE NÃO PRECISAMOS TER FORÇA...QUE A FORÇA VEM "DELE"..."ELE" É A FORÇA,PRECISAMOS APENAS TER FÉ...APENAS CRER QUE "ELE" PODE TUDO,QUE DEVEMOS DEIXAR TUDO EM SUAS MÃOS "ELE" RESOLVE TUDO POR NÓS..."ELE" CURA TUDO MAS PRECISAMOS SIM CHAMA-LO...PROCURÁ-LO E PEDIR:PAI...ESTOU AQUI...QUERO TE CONHECER MELHOR...PERDOA TODOS MEUS PECADOS...ME AJUDA A VIVER UMA VIDA DE PAZ...AMOR E FELICIDADE...PAI...EU PRECISO DE TI.

O QUE POSSO FAZER POR ESSAS PESSOAS É DAR O MEU TESTEMUNHO DO QUE DEUS JÁ FEZ NA MINHA VIDA E POR MIM...

JÁ ME LIVROU DO VICIO DE CIGARRO...VICIO DE PESSOAS...ME AFASTOU DE MUITOS SOFRIMENTOS...ME DEU PAZ NO CORAÇÃO,INDEPENDENTE DAS TRIBULAÇÕES EU TENHO PAZ NO CORAÇÃO PORQUE SEI QUE TUDO DARÁ CERTO POIS SIRVO UM DEUS FIEL...ME DEU NOVOS PROJETOS E SONHOS...ESTÁ AJUDANDO A REALIZAR...

TAMBÉM TODOS OS DIAS ORO PARA QUE "ELE"CUIDE,ABENÇOE E SALVE A VIDA DESSA E DE MUITAS OUTRAS PESSOAS QUE SE ENCONTRAM NA MESMA SITUAÇÃO...QUE DESTRUÍRAM SEUS LARES...

SENHOR CUIDA DESSAS PESSOAS E DE SUAS FAMÍLIAS EM NOME DE JESUS...AMÉM.

quinta-feira, 23 de setembro de 2010

SALMO 133


A excelência da união fraternal.


1 Oh! quão bom e quão suave é que os irmãos vivam em união!

2 É como o óleo precioso sobre a cabeça, que desceu sobre a barba, a barba de Arão, que desceu sobre a gola das suas vestes;

3 como o orvalho de Hermom, que desce sobre os montes de Sião; porque ali o Senhor ordenou a bênção, a vida para sempre.

SEMENTES...


“Não vos enganeis; Deus não se deixa escarnecer; pois tudo o que o homem semear, isso também ceifará.” Gálatas 6:7


Entrei e vi um Anjo no balcão.

Maravilhado, disse-lhe:

- Anjo do Senhor, o que vendes ?

Respondeu-me:

- Todos os dons de Deus.

Perguntei:

- Custa muito?

Respondeu-me:

- Não, é tudo de graça.

Contemplei a loja e vi jarros com sabedoria, vidros com fé, pacotes com esperança, caixinhas com salvação, potes com amor.

Tomei coragem e pedi:

- Por favor, Santo Anjo, quero muito amor, todo o perdão, um vidro de fé, bastante felicidade e salvação eterna para mim e para minha família também.

Então o Anjo do Senhor preparou-me um pequeno embrulho, tão pequeno, que cabia na palma da minha mão. Maravilhado, mais uma vez, disse-lhe:

- É possível tudo estar aqui ?

O Anjo respondeu-me sorrindo:

- Meu querido irmão, na loja de Deus não vendemos frutos. Apenas SEMENTES, plante-as!!!

“O amor é sofredor, é benigno; o amor não é invejoso; o amor não se vangloria, não se ensoberbece, não se porta inconvenientemente, não busca os seus próprios interesses, não se irrita, não suspeita mal; não se regozija com a injustiça, mas se regozija com a verdade; tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta.”Coríntios 13:4-7

Desconheço o Autor

Colaboração de Um Amigo de Deus Luiz Carlos Padim Junior

SER CAPAZ...


Muitas pessoas falam...Você é uma mulher...batalhadora...muito forte...por mais que as tribulações sejam muitas...não desiste nunca...

Sim ...sou assim pois sei que tenho alguém que cuida de mim...se as tribulações estão na minha vida, é para algum propósito...apenas tenho que ter discernimento e entendimento do porque estão acontecendo.

Antes...de aceitar Cristo em minha vida...era uma pessoa muito nervosa...quando as pessoas me traiam eu chorava...brigava...me irava...hoje quando alguém age da mesma forma comigo...apenas oro a Deus para cuidar de tudo para mim...também peço a ELE que cuide da vida dessa pessoa...que encha o coração dela do SEU amor.

Outra diferença é quando falam que sou muito inteligente...determinada...competente...hoje sei que tudo isso vem DELE...na verdade falamos que é o Espírito Santo que faz e fala tudo por nós...muitas pessoas se acham...dizem :Eu fiz isso ou aquilo...sinto até vergonha pois eu também era assim...sempre achando que era eu quem fazia e acontecia...na verdade é ELE que nos conduz...que nos dá tudo isso...nós apenas temos que ser capaz...saber aproveitar...usar todos esses presentes e sempre dar Glórias a Deus por tudo.

Apesar de ser tudo muito diferente do que vivia antes...posso afirmar que hoje sou muito mais feliz...hoje não sinto solidão...hoje não choro por ficar um fim de semana em casa ou porque uma amiga ou alguém me traiu...não dependo da presença de pessoas para ser feliz...hoje eu tenho o melhor amigo que alguém poderia querer para sua vida...o mais fiel...o mais amoroso...carinhoso...o mais presente...o que mais me ama...hoje eu tenho sempre ao meu lado,JESUS.

Obrigado meu querido Pai por resgatar minha vida...eu te AMO.

quarta-feira, 22 de setembro de 2010

SALMO 132


Uma promessa antiga.


1 Lembra-te, Senhor, a bem de Davi, de todas as suas aflições;

2 como jurou ao Senhor, e fez voto ao Poderoso de Jacó, dizendo:

3 Não entrarei na casa em que habito, nem subirei ao leito em que durmo;

4 não darei sono aos meus olhos, nem adormecimento às minhas pálpebras,

5 até que eu ache um lugar para o Senhor uma morada para o Poderoso de Jacó.

6 Eis que ouvimos falar dela em Efrata, e a achamos no campo de Jaar.

7 Entremos nos seus tabernáculos; prostremo-nos ante o escabelo de seus pés.

8 Levanta-te, Senhor, entra no lugar do teu repouso, tu e a arca da tua força.

9 Vistam-se os teus sacerdotes de justiça, e exultem de júbilo os teus santos.

10 Por amor de Davi, teu servo, não rejeites a face do teu ungido.

11 O Senhor jurou a Davi com verdade, e não se desviará dela: Do fruto das tuas entranhas porei sobre o teu trono.

12 Se os teus filhos guardarem o meu pacto, e os meus testemunhos, que eu lhes hei de ensinar, também os seus filhos se assentarão perpetuamente no teu trono.

13 Porque o Senhor escolheu a Sião; desejou-a para sua habitação, dizendo:

14 Este é o lugar do meu repouso para sempre; aqui habitarei, pois o tenho desejado.

15 Abençoarei abundantemente o seu mantimento; fartarei de pão os seus necessitados.

16 Vestirei de salvação os seus sacerdotes; e de júbilo os seus santos exultarão

17 Ali farei brotar a força de Davi; preparei uma lâmpada para o meu ungido.

18 Vestirei de confusão os seus inimigos; mas sobre ele resplandecerá a sua coroa.

Você está passando pelo fogo?


Havia um grupo de mulheres num estudo bíblico do livro de Malaquias.

Quando elas estavam estudando o capítulo 3, elas se depararam com o versículo 3 que diz:

"E assentar-se-á como fundidor e purificador de prata..."

Este verso intrigou as mulheres e elas se perguntaram o que esta afirmação significava quanto ao caráter e natureza de Deus.

Uma das mulheres se ofereceu para tentar descobrir como se realizava o processo de refinamento da prata e voltar para contar ao grupo na próxima reunião do estudo bíblico.

Naquela semana esta mulher ligou para um ourives e marcou um horário com ele para assisti-lo em seu trabalho.

Ela não mencionou a razão de seu interesse na prata nada além do que sua curiosidade sobre o processo de refinamento da prata.

Enquanto ela o observava, ele mantinha um pedaço de prata sobre o fogo e deixava-o aquecer.

Ele explicou que no refinamento da prata devia-se manter a prata no meio do fogo onde as chamas eram mais quentes de forma a queimar todas as impurezas.

A mulher pensou em Deus mantendo-nos num lugar tão quente, depois ela pensou sobre o verso novamente, que "ele se assenta como um fundidor e purificador da prata".

Ela perguntou ao ourives se era verdade que ele tinha que se sentar em frente ao fogo o tempo todo que a prata estivesse sendo refinada.

O homem respondeu que sim, ele não apenas tinha que sentar-se lá segurando a prata, mas também tinha que manter seus olhos na prata o tempo inteiro que ela estivesse no fogo.

Se a prata fosse deixada, apenas por um momento, em demasia nas chamas ela seria destruída.

A mulher silenciou por um instante.

Depois ela perguntou,

"Como você sabe quando a prata está completamente refinada?".

Ele sorriu e respondeu,

"Oh, é fácil, quando eu vejo a minha imagem nela".

Você, está passando pelo fogo?

Deus já esta refletido em você?

Desconheço o Autor

Mensagem Postada no Grupo em 24/04/2007

Colaboração de Um Amigo de Deus Fabio Pacheco

terça-feira, 21 de setembro de 2010

Você é quem é por uma razão...


"Porque pela graça que me é dada, digo a cada um dentre vós que não pense de si mesmo além do que convém; antes, pense com moderação, conforme a medida da fé que Deus repartiu a cada um." Romanos 12:3

Você é quem é por uma razão
Parte de uma plano inescrutável.
Preciosa, original e perfeita criação,
denominada homem ou mulher de Deus, notável.

Sua aparência tem uma razão.
Nosso Deus não se enganou.
Ele o teceu ainda no ventre em perfeita composição,
é o fruto exato do que determinou.

Seus pais foram por ele escolhidos,
e, não obstante sua impressão,
ele cumprem os planos para os quais foram criados
e recebem do Senhor aprovação.

O trauma que você enfrentou não foi fácil, não.
E Deus lamentou sua dor.
Mas foi isso permitido para dar forma ao seu coração,
para que semelhante ao dele se tornasse.
Você é quem é por uma razão.
E pela vara do Senhor vem sendo formado.
Você é quem é, amado,
Porque há um Deus - eis a razão!

Poema de Russell Kelfer
Retirada do Livro Uma Vida Com Propósitos (Rick Warren)

Colaboração de Uma Amiga de Deus

SALMO 131


Calma em Deus.

1 Senhor, o meu coração não é soberbo, nem os meus olhos são altivos; não me ocupo de assuntos grandes e maravilhosos demais para mim.

2 Pelo contrário, tenho feito acalmar e sossegar a minha alma; qual criança desmamada sobre o seio de sua mãe, qual criança desmamada está a minha alma para comigo.

3 Espera, ó Israel, no Senhor, desde agora e para sempre.

A PAZ...


A paz que o mundo procura

A mensagem de hoje trata de uma das necessidades do mundo moderno: a paz. Entre os vários textos que abordam esse tema, na Palavra de Deus, encontra-se o verso sétimo do quarto capítulo de Filipenses, que afirma que “a paz de Deus, que excede todo entendimento guardará o vosso coração e a vossa mente em Cristo Jesus”. Ou seja, a paz sobrenatural, que vem do céu e não pode ser fornecida pelos homens, protegerá os nossos sentimentos e as nossas emoções, livrando-nos da ansiedade.

Há uma corrida pela paz na sociedade contemporânea. Nestes dias atribulados em que vivemos a paz é almejada em todas as camadas sociais e faixas etárias. Motivos não faltam para a ausência de paz: da educação dos filhos aos índices da bolsa de valores e sua importância para o investidor, o mundo vê-se envolto em situações que comprometem o sono tranquilo.

Há também (infelizmente) muita gente procurando a paz em coisas e lugares errados. É possível que muitos dos que tenham enveredado para o caminho das drogas o tenham feito, pensando na sensação de uma vida sem problemas. E não deve ser incomum, tampouco, a busca da alegria em uma garrafa de uísque, por exemplo. O problema não está em se divertir, mas em que os sentimentos de satisfação proporcionados por esses artifícios não são duradouros e não podem trazer paz.

De fato, a diversão e a paz não têm relação entre si. A diversão nos proporciona momentos de descontração e alegria, ao passo que a paz é uma condição. É como se a paz fosse um alicerce, no qual uma pessoa que a possui se mantivesse igualmente sustentada em qualquer circunstância, por certo incluindo os momentos de contentamento, mas independente deles.

Essa comparação está sendo feita com o intuito de ajudá-lo a analisar os fatos. É importante que você pare, por um momento, e reflita em como anda a sua vida e se, realmente, há paz no seu coração. Depois, visa-se esclarecer-lhe que essa condição de paz somente pode ser encontrada em Deus. A paz pertence a ele e, portanto, somente ele poderá transferi-la, reparti-la ou mesmo retê-la.

Mas, claro, nada o impede de reivindicá-la para você e isso é muito fácil: basta que, com sinceridade de coração, você a peça, e será sua imediatamente. O mais difícil, muitas vezes, é a nossa própria resistência em admitir que não somos suficientes para nos fazer felizes. Mas, se você conseguir enxergar que Deus o criou para viver a plenitude da existência, vença o orgulho e não perca tempo. A paz pode ser sua e é de graça.

Em Cristo,

Ap. Rina

Receba também o Fala Pastor diariamente em seu celular.
Envie a palavra "falapastor" para 49820 e receba palavras que irão te edificar.
Serviço disponível para operadora Tim, Claro, Vivo, Oi e Brasil telecom.
Custo da mensagem recebida: R$ 0,31 + impostos.
Duvidas envie gratuitamente a palavra "info + sua duvida" para 49820.
--------------------------------------------------------------------------------
Igreja Evangélica Bola de Neve
Rua Clélia, 1517 - Lapa / São Paulo - SP
Cultos: Quinta as 20h, Domingo as 10h, 16h (tradução em Libras) e 19h, estamos na Rua Clélia e
Sábado as 20h continuamos na Rua Turiassu, 734 - Perdizes
Para saber os horários de cultos na sua cidade acesse o site: www.boladeneve.com

segunda-feira, 20 de setembro de 2010

Cuide com devoção...


"Guia-me na tua verdade, e ensina-me, pois tu és o Deus da minha salvação; por ti estou esperando todo o dia." Salmos 25:5

Na estrada de minha casa, há um pasto onde vivem dois cavalos.

De longe, parecem cavalos normais mas, quando olhamos bem, percebe-se que um deles é cego. Contudo, o dono não se desfez dele e arranjou um amigo, um cavalo mais jovem.

Isto é de admirar!

Ao observá-los, ouviremos um pequeno sino, e este está no pescoço do cavalo menor. Assim, o cavalo cego sabe onde está o seu companheiro e vai até ele.

Ambos passam os dias comendo e no final do dia o cavalo cego segue o companheiro até o estábulo.

Percebemos que o cavalo com o sino está sempre olhando se o outro o acompanha e, às vezes pára, para que o outro possa alcançá-lo. E o cavalo cego guia-se pelo som do sino, confiante que o outro o está levando para o caminho certo.

Como o dono, desses dois cavalos, Deus não se desfaz de nós só porque não somos perfeitos, ou porque temos problemas ou desafios. Ele cuida de nós e faz com que outras pessoas venham em nosso auxílio, quando precisamos.

Algumas vezes somos como o cavalo cego, guiado pelo som do sino daqueles que Deus coloca em nossas vidas. Outras vezes, somos como o cavalo guia, ajudando outros a encontrar seu caminho. E assim são os bons amigos! Não precisamos vê-los, mas estão presentes em nossas vidas!

Por favor, ouça o meu pequeno sino; eu também ouvirei o seu.

Ame generosamente,

Cuide com devoção,

Fale com bondade...

E confie, deixando as demais coisas para Deus...

Desconheço o Autor

Colaboração de Um Amigo de Deus João Batista Rodrigues

SALMO 130


Das profundezas clamo ao Senhor.

1 Das profundezas clamo a ti, ó Senhor.

2 Senhor, escuta a minha voz; estejam os teus ouvidos atentos à voz das minhas súplicas.

3 Se tu, Senhor, observares as iniqüidades, Senhor, quem subsistirá?

4 Mas contigo está o perdão, para que sejas temido.

5 Aguardo ao Senhor; a minha alma o aguarda, e espero na sua palavra.

6 A minha alma anseia pelo Senhor, mais do que os guardas pelo romper da manhã, sim, mais do que os guardas pela manhã.

7 Espera, ó Israel, no Senhor! pois com o Senhor há benignidade, e com ele há copiosa redenção;

8 e ele remirá a Israel de todas as suas iniqüidades.

domingo, 19 de setembro de 2010

SALMO 129

Recordação de libertações.

1 Gravemente me angustiaram desde a minha mocidade, diga agora Israel;

2 gravemente me angustiaram desde a minha mocidade, todavia não prevaleceram contra mim.

3 Os lavradores araram sobre as minhas costas; compridos fizeram os seus sulcos.

4 O Senhor é justo; ele corta as cordas dos ímpios.

5 Sejam envergonhados e repelidos para trás todos os que odeiam a Sião.

6 Sejam como a erva dos telhados, que seca antes de florescer;

7 com a qual o segador não enche a mão, nem o regaço o que ata os feixes;

8 nem dizem os que passam: A bênção do Senhor seja sobre vós; nós vos abençoamos em nome do Senhor.

sexta-feira, 17 de setembro de 2010

SALMO 128

TEMOR DE DEUS E FELICIDADE NO LAR.


1 Bem-aventurado todo aquele que teme ao Senhor e anda nos seus caminhos.

2 Pois comerás do trabalho das tuas mãos; feliz serás, e te irá bem.

3 A tua mulher será como a videira frutífera, no interior da tua casa; os teus filhos como plantas de oliveira, ao redor da tua mesa.

4 Eis que assim será abençoado o homem que teme ao Senhor.

5 De Sião o Senhor te abençoará; verás a prosperidade de Jerusalém por todos os dias da tua vida,

6 e verás os filhos de teus filhos. A paz seja sobre Israel.

quinta-feira, 16 de setembro de 2010

SALMO 127


Todo bem procede de Deus.

1 Se o Senhor não edificar a casa, em vão trabalham os que a edificam; se o Senhor não guardar a cidade, em vão vigia a sentinela.

2 Inútil vos será levantar de madrugada, repousar tarde, comer o pão de dores, pois ele supre aos seus amados enquanto dormem.

3 Eis que os filhos são herança da parte do Senhor, e o fruto do ventre o seu galardão.

4 Como flechas na mão dum homem valente, assim os filhos da mocidade.

5 Bem-aventurado o homem que enche deles a sua aljava; não serão confundidos, quando falarem com os seus inimigos à porta.

LEMBREI...


Limpando a caixa de mensagens,achei esse email que recebi quando ainda morava em Balneario Camboriu...então pensei...porque não postar?
Hoje pertenso ao Bola de Neve de Floripa,tive que mudar de Balneario...acho sinceramente que também foi ELE que quis assim...
Senti no coração que deveria sim postar...lembrei que quando recebi,uma época muito triste de minha vida...me ajudou muito...me fortaleceu...ajudou a entender muitas coisas...por isso estou postando...porque acho que Deus queria que passasse essa mensagem para você também...
Que ELE fale com você através dela...que ELE mostre o que quer para você,para sua vida...que ELE mostre o quanto te AMA...o quanto te quer FELIZ...como fez comigo na ocasião ok...
Deus te abençoe.


Bola de Neve

Balneário Camboriú

Reuniões: Quartas e Domingos às 20 horas!

(47) 3263-1147 / 78115218 / 84*98317
pr.natanael@boladeneve.com

www.boladeneve.com

MEDITAÇÃO DIÁRIA

15 DE JANEIRO DE 2009

ESTÁ NA PALAVRA DE DEUS

Percorrerei o caminho dos teus mandamentos, quando me alegrares o coração. Salmo 119:32

Por mais otimista que eu seja (posso ver o lado bom em quase tudo), também sei que a vida pode ser um lugar escuro e solitário.
Já conversei com adolescentes cujos pais são tão raivosos que fazem com que o voltar para casa se torne um terror.
Conheci pessoas que não conseguem sair da depressão, investi tempo considerável com pessoas que sofrem diariamente com muita pressão.
Sabemos o que a miséria pode fazer com as pessoas ao redor do mundo, apesar de saber que existem estes cenários, eu não me desespero. Eu sei que a esperança está em Jesus, que a orientação vem por meio do Espírito Santo e que encontramos conhecimento e poder na Palavra de Deus.
As palavras do Salmo 119 nos dão ânimo. Quando nossa alma "está apegada ao pó", podemos ser vivificados pela Palavra de Deus Salmo 119: 25. Quando nossa alma está cheia de tristeza, podemos ser fortalecidos pela Sua Palavra Salmo 119: 28. Quando ameaçados pelo engano, podemos seguir a verdade da Sua Palavra Salmo 119: 29-30. Nosso coração pode ser liberto pelas ordens de Deus Salmo 119: 32.
As exigências da vida o devastam? Se a resposta é sim, você pode encontrar esperança, orientação e conhecimento na Palavra de Deus.


Pensamento do dia

BÍBLIA BEM LIDA ALMA BEM NUTRIDA.

Leitura:
Salmo 119:25-32

25- A minha alma apega-se ao pó; vivifica-me segundo a tua palavra.

26- Meus caminhos te descrevi, e tu me ouviste; ensina-me os teus estatutos.

27- Fazê-me entender o caminho dos teus preceitos; assim meditarei nas tuas maravilhas.

28- A minha alma se consome de tristeza; fortalece-me segundo a tua palavra.

29- Desvia de mim o caminho da falsidade, e ensina-me benignidade a tua lei.

30- Escolhi o caminho da fidelidade; diante de mim pus as tuas ordenanças.

31- Apego-me aos teus testemunhos, ó Senhor; não seja eu envergonhado.

32- Percorrerei o caminho dos teus mandamentos, quando dilatares o meu coração.

Deus abençoe seu dia!

Pastor Natanael

quarta-feira, 15 de setembro de 2010

SALMO 126


Consolo para os que choram.


1 Quando o Senhor trouxe do cativeiro os que voltaram a Sião, éramos como os que estão sonhando.

2 Então a nossa boca se encheu de riso e a nossa língua de cânticos. Então se dizia entre as nações: Grandes coisas fez o Senhor por eles.

3 Sim, grandes coisas fez o Senhor por nós, e por isso estamos alegres.

4 Faze regressar os nossos cativos, Senhor, como as correntes no sul.

5 Os que semeiam em lágrimas, com júbilo ceifarão.

6 Aquele que sai chorando, levando a semente para semear, voltará com cânticos de júbilo, trazendo consigo os seus molhos.

terça-feira, 14 de setembro de 2010

SALMO 125


Fé inabalável

1 Aqueles que confiam no Senhor são como o monte Sião, que não pode ser abalado, mas permanece para sempre.

2 Como estão os montes ao redor de Jerusalém, assim o Senhor está ao redor do seu povo, desde agora e para sempre.

3 Porque o cetro da impiedade não repousará sobre a sorte dos justos, para que os justos não estendam as suas mãos para cometer a iniqüidade.

4 Faze o bem, ó Senhor, aos bons e aos que são retos de coração.

5 Mas aos que se desviam para os seus caminhos tortuosos, levá-los-á o Senhor juntamente com os que praticam a maldade. Que haja paz sobre Israel.

Colhemos o que plantamos...


Lance a sua vida nas águas de Deus: ela ressurgirá eterna

O capítulo 11 do Livro de Eclesiastes tem início com a seguinte instrução: “[l]ança o teu pão sobre as águas, porque depois de muitos dias o acharás” (v. 1). Vamos atentar para a lei espiritual expressa nessas linhas:

Primeiramente, o versículo sugere um ato de doação. Quem lança, abre mão de alguma coisa e a entrega completamente aos cuidados de outro. E sendo o caso de lançar o pão sobre as águas, não apenas há a referência ao valor daquilo que deve ser doado — de importância vital para o homem —, como ao lugar que o deve receber como algo maior, que o comporte. E, finalmente, há a menção de que o que for doado voltará para o seu doador.

Ora, a lei da colheita é também conhecida nos princípios espirituais: colhemos o que plantamos; e podemos inferir que, se quisermos mais amor dos nossos cônjuges e amigos, devemos semear o amor nas suas vidas, se quisermos relacionamentos fortalecidos, devemos lançar mão do perdão, e, se desejarmos contentamento, devemos externar a alegria. De acordo com a palavra, a nossa colheita é certeira.

O mais importante a mantermos em mente, no entanto, é a simbologia dos elementos citados no versículo e, por conseguinte, a amplitude do que podemos esperar como colheita. O pão, como alimento e fonte de sustento, é a representação do homem e sua necessidade de sobrevivência, e a água, por si representação da abundância, é também fonte de vida para o homem. Assim, lançando-se a necessidade de vida sobre a fonte da vida, não haverá como receber outra coisa senão a vida em abundância.

É também simbólico o que pode ser entendido como água, o que está por toda parte, na Bíblia. Por exemplo, Jesus disse que era preciso nascer da “água e do Espírito” para entrar no reino de Deus (Jo 3:5), e ele próprio se revela como “água da vida”: “Se alguém tem sede, venha a mim e beba” (Jo 7: 37b). E, de fato, o exemplo da entrega foi dado pelo Pai, que entregou o seu Filho (lançando o Pão da perfeição) para produzir vida.

Desse modo fica fácil entender que o segredo está na entrega da nossa vida (do pão sacrificial da nossa existência) nas mãos do Senhor, lançando sobre as Águas tudo o que nos diz respeito. Ela será retornada para nós em abundância, na plenitude de sua essência... e eterna.

Fique na paz,

Ap. Rina

segunda-feira, 13 de setembro de 2010

SALMO 124


Deus,nosso protetor e libertador.


1 Se não fora o Senhor, que esteve ao nosso lado, ora diga Israel:

2 Se não fora o Senhor, que esteve ao nosso lado, quando os homens se levantaram contra nós,

3 eles nos teriam tragado vivos, quando a sua ira se acendeu contra nós;

4 as águas nos teriam submergido, e a torrente teria passado sobre nós;

5 sim, as águas impetuosas teriam passado sobre nós.

6 Bendito seja o Senhor, que não nos entregou, como presa, aos dentes deles.

7 Escapamos, como um pássaro, do laço dos passarinheiros; o laço quebrou-se, e nós escapamos.

8 O nosso socorro está no nome do Senhor, que fez os céus e a terra.

domingo, 12 de setembro de 2010

SALMO 123


Solicitude por auxilio divino.

1 A ti levanto os meus olhos, ó tu que estás entronizado nos céus.

2 Eis que assim como os olhos dos servos atentam para a mão do seu senhor, e os olhos da serva para a mão de sua senhora, assim os nossos olhos atentam para o Senhor nosso Deus, até que ele se compadeça de nós.

3 Compadece-te de nós, ó Senhor, compadece-te de nós, pois estamos sobremodo fartos de desprezo.

4 A nossa alma está sobremodo farta da zombaria dos arrogantes, e do desprezo dos soberbos.

sábado, 11 de setembro de 2010

SALMO 122


1 Alegrei-me quando me disseram: Vamos à casa do Senhor.

2 Os nossos pés estão parados dentro das tuas portas, ó Jerusalém!

3 Jerusalém, que és edificada como uma cidade compacta,

4 aonde sobem as tribos, as tribos do Senhor, como testemunho para Israel, a fim de darem graças ao nome do Senhor.

5 Pois ali estão postos os tronos de julgamento, os tronos da casa de Davi.

6 Orai pela paz de Jerusalém; prosperem aqueles que te amam.

7 Haja paz dentro de teus muros, e prosperidade dentro dos teus palácios.

8 Por causa dos meus irmãos e amigos, direi: Haja paz dentro de ti.

9 Por causa da casa do Senhor, nosso Deus, buscarei o teu bem.

SÓ DEPENDE DE MIM?


Não é bem assim...

Porque se dependesse de mim não estaria aqui sozinha sem meu marido e filha...sem minha família...

Não é bem assim porque se dependesse de mim estaria feliz amando e sendo amada pela pessoa que acho que Deus permitiu e escolheu para comigo formar um lar...

Não é bem assim porque se dependesse de mim meus amigos que tanto amei...ajudei...consolei...a quem tanto fui fiel...estariam ainda fazendo parte de minha vida...

Não é bem assim porque se dependesse de mim já teria formado uma nova família...pois tenho muito amor para dar...sinto dor por não poder amar...

Não é bem assim porque tudo isso que escrevi...se realmente dependesse de mim eu já teria resolvido...buscado...pego...mas não é bem assim porque com certeza meu querido PAI deve ter algum propósito em tudo isso...deve estar querendo me curar de tantas carências...curar outras pessoas de outros problemas...e apesar de as vezes essa solidão doer muito...me apego na palavra...onde ELE sempre fala comigo...sempre me dá forças para continuar acreditando que tudo isso com certeza vai valer a pena...eu creio...mas uma coisa é certa...não depende mesmo de mim não....depende apenas e unicamente da vontade DELE...só ELE sabe o que é melhor para minha vida...apesar de não estar sendo fácil...eu espero SUA vontade...peço força a cada segundo para poder suportar todas as tribulações...todas as noites traiçoeiras...

Peço que ELE ME FORTALEÇA ATÉ SUA OBRA SE CONCRETIZAR EM MINHA VIDA...SINTO QUE MINHA HORA JÁ ESTÁ CHEGANDO...EU CREIO EM NOME DE JESUS...AMÉM.

quinta-feira, 9 de setembro de 2010

SALMO 121


Deus,o fiel guarda dos homens.

1 Elevo os meus olhos para os montes; de onde me vem o socorro?

2 O meu socorro vem do Senhor, que fez os céus e a terra.

3 Não deixará vacilar o teu pé; aquele que te guarda não dormitará.

4 Eis que não dormitará nem dormirá aquele que guarda a Israel.

5 O Senhor é quem te guarda; o Senhor é a tua sombra à tua mão direita.

6 De dia o sol não te ferirá, nem a lua de noite.

7 O Senhor te guardará de todo o mal; ele guardará a tua vida.

8 O Senhor guardará a tua saída e a tua entrada, desde agora e para sempre.

Não retenha o amor...

"Os dias em que vivemos são maus; por isso aproveitem bem todas as oportunidades que vocês têm." Efésios 5:16 NTLH

Em seu livro Jesus Coach, Laurie Beth Jones escreveu:

Meu amigo Joe Mathews compartilhou comigo uma história comovente. A esposa de seu melhor amigo recebeu o diagnóstico de câncer terminal e lhe disseram que tinha pouco tempo de vida.

Joe contou que observou, admirado, Dan e a esposa. Christine, passando a viver cada dia com uma pureza e um amor tremendos.

Quando ela estava quase no fim da vida, Joe finalmente reuniu coragem para perguntar uma coisa a Christine:

- Qual é a sensação de viver cada dia sabendo que está morrendo?

Ela se apoiou em um dos cotovelos e, em seguida, lhe perguntou:

- Joe, qual é a sensação de viver cada dia fingindo que você não está morrendo?

A primeira coisa que me chamou a atenção foi perceber como frequentemente ouvimos de pessoas que, às portas da morte, se conscientizaram e passaram a dar valor às pessoas amadas e a tratá-las com o respeito e a dedicação que sempre mereceram. Antes assim do que nunca. Mas da perspectiva de Christine, estamos caminhando para a morte todos nós, independentemente de estarmos doentes ou não.

Conversava há alguns dias com um amigo e ele me dizia que uma das artimanhas mais utilizadas pelo Diabo para anular o efeito que a nossa vida pode ter é a de deixar-nos constantemente ocupados. Estamos sempre correndo para manter as tarefas e compromissos em dia, para ler todos os e-mails, responder todos os recados, seguir todos os tweets, visitar todos os sites, assistir todos os filmes, arquivar todos os arquivos. Quando não é em casa, é no trabalho, na igreja, na escola, no shopping, no supermercado, na associação, no trânsito. Quando vemos passou o dia e estamos esgotados sem condições de dedicar atenção a quem realmente importa.

Isso tudo me fez lembrar um pregador que sempre falava que nunca tinha visto um caminhão de mudança seguindo uma procissão de enterro. Dizia isso para lembrar que as coisas materiais e posições sociais conquistados duramente durante a vida nada significam se, para consegui-los, você teve que afastar para longe as pessoas que ama.

A segunnda coisa que me chamou a atenção é: por que não tratamos as pessoas que amamos sempre da maneira correta? Por que temos esta atitude insana de deixar para amanhã? Estamos sempre correndo atrás de alguma coisa que nós achamos que, quando conseguirmos, compensará todas as vezes que fomos omissos? Pior ainda, por que tantas vezes, conscientemente, ignoramos e negamos aos nossos amados a nossa presença, carinho e atenção?

Cada vez que perdemos a oportunidade de tratar com valor e respeito aos nossos amados é uma chance perdida de tornar a vida, deles e nossa, boa, agradável e significativa.

A terceira coisa que me chamou a atenção é que o casal em questão teve a oportunidade de saber quando a morte estava chegando e, por isso, tiveram a oportunidade de desenvolver um comportamento que tornou aqueles últimos dias significativos para ambos. Mas quem disse que a morte sempre manda aviso prévio?

A música “Flores em Vida”, de Paulo César Baruk nos alerta para as tantas oportunidades perdidas e para o sentimento de perda e arrependimento que fica quando a morte leva inesperadamente a quem amamos. Ficamos dolorosamente conscientes que já não poderemos mais expressar o apreço, o carinho e o valor que deveríamos.

É curioso que, na maioria das vezes, não ficamos cobrando o que não recebemos, mas o que dói é o fato de que não mais podemos dar aquilo que poderíamos ter dado no tempo devido.

Não retenha o amor. Não economize o carinho. Não guarde o elogio e a apreciação. Não deixe de perdoar. Esforce-se para estar junto. Transmita a sua confiança ao olhar a pessoa que ama. Alegre o ambiente ao sorrir com sinceridade e satisfação por estar com ela. Use palavras positivas e cheias de esperança.

Com certeza, ao viver assim, poderemos olhar para trás e saber que fizemos tudo o que deveríamos ter feito e vivido da maneira que deveríamos ter vivido com aqueles a quem amamos.

Colaboração de Um Amigo de Deus Vinicios Torres

quarta-feira, 8 de setembro de 2010

SALMO 120


Contra as más linguas.

1 Na minha angústia clamei ao Senhor, e ele me ouviu.

2 Senhor, livra-me dos lábios mentirosos e da língua enganadora.

3 Que te será dado, ou que te será acrescentado, língua enganadora?

4 Flechas agudas do valente, com brasas vivas de zimbro!

5 Ai de mim, que peregrino em Meseque, e habito entre as tendas de Quedar!

6 Há muito que eu habito com aqueles que odeiam a paz.

7 Eu sou pela paz; mas quando falo, eles são pela guerra.

Não se acomode nunca na fé...


"Alegrai-vos na esperança, sede pacientes na tribulação, perseverai na oração;" Romanos 12:12

Os japoneses sempre adoraram peixe fresco. Porém, as águas perto do Japão não produzem muitos peixes há décadas.

Assim, para alimentar sua população, eles aumentaram o tamanho dos navios pesqueiros e começaram a pescar mais longe.

Quanto mais longe iam, mais tempo levava para o peixe chegar. Se a viagem de volta levasse mais do que alguns dias, o peixe já não era mais fresco. E os japoneses não gostaram do gosto destes peixes.

Para resolver o problema, as empresas de pesca instalaram congeladores em seus barcos. Pescavam e congelavam os peixes em alto-mar. Os congeladores permitiram que os pesqueiros fossem mais longe e ficassem em alto-mar por muito mais tempo. Mesmo assim, notaram diferença entre o peixe fresco e o congelado e não gostaram.

Então, as empresas de pesca instalaram tanques de peixe nos navios pesqueiros. Eles pescavam e os colocavam nos tanques, “como sardinhas”. Depois de certo tempo, pela falta de espaço, os peixes paravam de se debater e não se moviam mais. Daí, chegavam vivos, porém, cansados e abatidos. E, novamente, os japoneses podiam notar a diferença do gosto.

Por não se mexerem durante dias, os peixes perdiam o gosto de frescor. Os japoneses preferiam o gosto de peixe fresco e não o gosto de peixe apático. Então, eles resolveram este problema? Como conseguiram trazer peixes com gosto de puro frescor?

Quando as pessoas atingem rápido seus objetivos, elas podem relaxar nas demais conquistas. E aí está o grande perigo! Podem começar a pensar que não precisam mais buscar tanto.

Para conservar o gosto de peixe fresco, os pesqueiros ainda colocam os peixes dentro de tanques. Além disso, também adicionam um pequeno tubarão em cada tanque. O tubarão come alguns peixes, mas a maioria deles chega “muito vivo” no mercado. Os peixes se mantêm atentos todo o tempo.

Se você já alcançou seus objetivos, coloque outros maiores.

Uma vez que suas necessidades pessoais ou familiares forem atingidas, dê graças a Deus e siga em frente na conquista de maiores realizações.

Mas não se acomode nunca na fé, coloque um tubarão no seu tanque.
Desconheço o Autor
Colaboração de Uma Amiga de Deus Denise Carla Barbosa Oliveira

terça-feira, 7 de setembro de 2010

SALMO 119


Excelência da lei divina

1 Bem-aventurados os que trilham com integridade o seu caminho, os que andam na lei do Senhor!

2 Bem-aventurados os que guardam os seus testemunhos, que o buscam de todo o coração,

3 que não praticam iniqüidade, mas andam nos caminhos dele!

4 Tu ordenaste os teus preceitos, para que fossem diligentemente observados.

5 Oxalá sejam os meus caminhos dirigidos de maneira que eu observe os teus estatutos!

6 Então não ficarei confundido, atentando para todos os teus mandamentos.

7 Louvar-te-ei com retidão de coração, quando tiver aprendido as tuas retas ordenanças.

8 Observarei os teus estatutos; não me desampares totalmente!

9 Como purificará o jovem o seu caminho? Observando-o de acordo com a tua palavra.

10 De todo o meu coração tenho te buscado; não me deixes desviar dos teus mandamentos.

11 Escondi a tua palavra no meu coração, para não pecar contra ti.

12 Bendito és tu, ó Senhor; ensina-me os teus estatutos.

13 Com os meus lábios declaro todas as ordenanças da tua boca.

14 Regozijo-me no caminho dos teus testemunhos, tanto como em todas as riquezas.

15 Em teus preceitos medito, e observo os teus caminhos.

16 Deleitar-me-ei nos teus estatutos; não me esquecerei da tua palavra.

17 Faze bem ao teu servo, para que eu viva; assim observarei a tua palavra.

18 Desvenda os meus olhos, para que eu veja as maravilhas da tua lei.

19 Sou peregrino na terra; não escondas de mim os teus mandamentos.

20 A minha alma se consome de anelos por tuas ordenanças em todo o tempo.

21 Tu repreendeste os soberbos, os malditos, que se desviam dos teus mandamentos.

22 Tira de sobre mim o opróbrio e o desprezo, pois tenho guardado os teus testemunhos.

23 Príncipes sentaram-se e falavam contra mim, mas o teu servo meditava nos teus estatutos.

24 Os teus testemunhos são o meu prazer e os meus conselheiros.

25 A minha alma apega-se ao pó; vivifica-me segundo a tua palavra.

26 Meus caminhos te descrevi, e tu me ouviste; ensina-me os teus estatutos.

27 Faze-me entender o caminho dos teus preceitos; assim meditarei nas tuas maravilhas.

28 A minha alma se consome de tristeza; fortalece-me segundo a tua palavra.

29 Desvia de mim o caminho da falsidade, e ensina-me benignidade a tua lei.

30 Escolhi o caminho da fidelidade; diante de mim pus as tuas ordenanças.

31 Apego-me aos teus testemunhos, ó Senhor; não seja eu envergonhado.

32 Percorrerei o caminho dos teus mandamentos, quando dilatares o meu coração.

33 Ensina-me, ó Senhor, o caminho dos teus estatutos, e eu o guardarei até o fim.

34 Dá-me entendimento, para que eu guarde a tua lei, e a observe de todo o meu coração.

35 Faze-me andar na vereda dos teus mandamentos, porque nela me comprazo.

36 Inclina o meu coração para os teus testemunhos, e não para a cobiça.

37 Desvia os meus olhos de contemplarem a vaidade, e vivifica-me no teu caminho.

38 Confirma a tua promessa ao teu servo, que se inclina ao teu temor.

39 Desvia de mim o opróbrio que temo, pois as tuas ordenanças são boas.

40 Eis que tenho anelado os teus preceitos; vivifica-me por tua justiça.

41 Venha também sobre mim a tua benignidade, ó Senhor, e a tua salvação, segundo a tua palavra.

42 Assim terei o que responder ao que me afronta, pois confio na tua palavra.

43 De minha boca não tires totalmente a palavra da verdade, pois tenho esperado nos teus juízos.

44 Assim observarei de contínuo a tua lei, para sempre e eternamente;

45 e andarei em liberdade, pois tenho buscado os teus preceitos.

46 Falarei dos teus testemunhos perante os reis, e não me envergonharei.

47 Deleitar-me-ei em teus mandamentos, que eu amo.

48 Também levantarei as minhas mãos para os teus mandamentos, que amo, e meditarei nos teus estatutos.

49 Lembra-te da palavra dada ao teu servo, na qual me fizeste esperar.

50 Isto é a minha consolação na minha angústia, que a tua promessa me vivifica.

51 Os soberbos zombaram grandemente de mim; contudo não me desviei da tua lei.

52 Lembro-me dos teus juízos antigos, ó Senhor, e assim me consolo.

53 Grande indignação apoderou-se de mim, por causa dos ímpios que abandonam a tua lei.

54 Os teus estatutos têm sido os meus cânticos na casa da minha peregrinação.

55 De noite me lembrei do teu nome, ó Senhor, e observei a tua lei.

56 Isto me sucedeu, porque tenho guardado os teus preceitos.

57 O Senhor é o meu quinhão; prometo observar as tuas palavras.

58 De todo o meu coração imploro o teu favor; tem piedade de mim, segundo a tua palavra.

59 Quando considero os meus caminhos, volto os meus pés para os teus testemunhos.

60 Apresso-me sem detença a observar os teus mandamentos.

61 Enleiam-me os laços dos ímpios; mas eu não me esqueço da tua lei.

62 á meia-noite me levanto para dar-te graças, por causa dos teus retos juízos.

63 Companheiro sou de todos os que te temem, e dos que guardam os teus preceitos.

64 A terra, ó Senhor, está cheia da tua benignidade; ensina-me os teus estatutos.

65 Tens usado de bondade para com o teu servo, Senhor, segundo a tua palavra.

66 Ensina-me bom juízo e ciência, pois creio nos teus mandamentos.

67 Antes de ser afligido, eu me extraviava; mas agora guardo a tua palavra.

68 Tu és bom e fazes o bem; ensina-me os teus estatutos.

69 Os soberbos forjam mentiras contra mim; mas eu de todo o coração guardo os teus preceitos.

70 Torna-se-lhes insensível o coração como a gordura; mas eu me deleito na tua lei.

71 Foi-me bom ter sido afligido, para que aprendesse os teus estatutos.

72 Melhor é para mim a lei da tua boca do que milhares de ouro e prata.

73 As tuas mãos me fizeram e me formaram; dá-me entendimento para que aprenda os teus mandamentos.

74 Os que te temem me verão e se alegrarão, porque tenho esperado na tua palavra.

75 Bem sei eu, ó Senhor, que os teus juízos são retos, e que em tua fidelidade me afligiste.

76 Sirva, pois, a tua benignidade para me consolar, segundo a palavra que deste ao teu servo.

77 Venham sobre mim as tuas ternas misericórdias, para que eu viva, pois a tua lei é o meu deleite.

78 Envergonhados sejam os soberbos, por me haverem subvertido sem causa; mas eu meditarei nos teus preceitos.

79 Voltem-se para mim os que te temem, para que conheçam os teus testemunhos.

80 Seja perfeito o meu coração nos teus estatutos, para que eu não seja envergonhado.

81 Desfalece a minha alma, aguardando a tua salvação; espero na tua palavra.

82 Os meus olhos desfalecem, esperando por tua promessa, enquanto eu pergunto: Quando me consolarás tu?

83 Pois tornei-me como odre na fumaça, mas não me esqueci dos teus estatutos.

84 Quantos serão os dias do teu servo? Até quando não julgarás aqueles que me perseguem?

85 Abriram covas para mim os soberbos, que não andam segundo a tua lei.

86 Todos os teus mandamentos são fiéis. Sou perseguido injustamente; ajuda-me!

87 Quase que me consumiram sobre a terra, mas eu não deixei os teus preceitos.

88 Vivifica-me segundo a tua benignidade, para que eu guarde os testemunhos da tua boca.

89 Para sempre, ó Senhor, a tua palavra está firmada nos céus.

90 A tua fidelidade estende-se de geração a geração; tu firmaste a terra, e firme permanece.

91 Conforme a tua ordenança, tudo se mantém até hoje, porque todas as coisas te obedecem.

92 Se a tua lei não fora o meu deleite, então eu teria perecido na minha angústia.

93 Nunca me esquecerei dos teus preceitos, pois por eles me tens vivificado.

94 Sou teu, salva-me; pois tenho buscado os teus preceitos.

95 Os ímpios me espreitam para me destruírem, mas eu atento para os teus testemunhos.

96 A toda perfeição vi limite, mas o teu mandamento é ilimitado.

97 Oh! quanto amo a tua lei! ela é a minha meditação o dia todo.

98 O teu mandamento me faz mais sábio do que meus inimigos, pois está sempre comigo.

99 Tenho mais entendimento do que todos os meus mestres, porque os teus testemunhos são a minha meditação.

100 Sou mais entendido do que os velhos, porque tenho guardado os teus preceitos.

101 Retenho os meus pés de todo caminho mau, a fim de observar a tua palavra.

102 Não me aperto das tuas ordenanças, porque és tu quem me instrui.

103 Oh! quão doces são as tuas palavras ao meu paladar! mais doces do que o mel à minha boca.

104 Pelos teus preceitos alcanço entendimento, pelo que aborreço toda vereda de falsidade.

105 Lâmpada para os meus pés é a tua palavra, e luz para o meu caminho.

106 Fiz juramento, e o confirmei, de guardar as tuas justas ordenanças.

107 Estou aflitíssimo; vivifica-me, ó Senhor, segundo a tua palavra.

108 Aceita, Senhor, eu te rogo, as oferendas voluntárias da minha boca, e ensina-me as tuas ordenanças.

109 Estou continuamente em perigo de vida; todavia não me esqueço da tua lei.

110 Os ímpios me armaram laço, contudo não me desviei dos teus preceitos.

111 Os teus testemunhos são a minha herança para sempre, pois são eles o gozo do meu coração.

112 Inclino o meu coração a cumprir os teus estatutos, para sempre, até o fim.

113 Aborreço a duplicidade, mas amo a tua lei.

114 Tu és o meu refúgio e o meu escudo; espero na tua palavra.

115 Apartai-vos de mim, malfeitores, para que eu guarde os mandamentos do meu Deus.

116 Ampara-me conforme a tua palavra, para que eu viva; e não permitas que eu seja envergonhado na minha esperança.

117 Sustenta-me, e serei salvo, e de contínuo terei respeito aos teus estatutos.

118 Desprezas todos os que se desviam dos teus estatutos, pois a astúcia deles é falsidade.

119 Deitas fora, como escória, todos os ímpios da terra; pelo que amo os teus testemunhos.

120 Arrepia-se-me a carne com temor de ti, e tenho medo dos teus juízos.

121 Tenho praticado a retidão e a justiça; não me abandones aos meus opressores.

122 Fica por fiador do teu servo para o bem; não me oprimem os soberbos.

123 Os meus olhos desfalecem à espera da tua salvação e da promessa da tua justiça.

124 Trata com o teu servo segundo a tua benignidade, e ensina-me os teus estatutos.

125 Sou teu servo; dá-me entendimento, para que eu conheça os teus testemunhos.

126 É tempo de agires, ó Senhor, pois eles violaram a tua lei.

127 Pelo que amo os teus mandamentos mais do que o ouro, sim, mais do que o ouro fino.

128 Por isso dirijo os meus passos por todos os teus preceitos, e aborreço toda vereda de falsidade.

129 Maravilhosos são os teus testemunhos, por isso a minha alma os guarda.

130 A exposição das tuas palavras dá luz; dá entendimento aos simples.

131 Abro a minha boca e arquejo, pois estou anelante pelos teus mandamentos.

132 Volta-te para mim, e compadece-te de mim, conforme usas para com os que amam o teu nome.

133 Firma os meus passos na tua palavra; e não se apodere de mim iniqüidade alguma.

134 Resgata-me da opressão do homem; assim guardarei os teus preceitos.

135 Faze resplandecer o teu rosto sobre o teu servo, e ensina-me os teus estatutos.

136 Os meus olhos derramam rios de lágrimas, porque os homens não guardam a tua lei.

137 Justo és, ó Senhor, e retos são os teus juízos.

138 Ordenaste os teus testemunhos com retidão, e com toda a fidelidade.

139 O meu zelo me consome, porque os meus inimigos se esquecem da tua palavra.

140 A tua palavra é fiel a toda prova, por isso o teu servo a ama.

141 Pequeno sou e desprezado, mas não me esqueço dos teus preceitos.

142 A tua justiça é justiça eterna, e a tua lei é a verdade.

143 Tribulação e angústia se apoderaram de mim; mas os teus mandamentos são o meu prazer.

144 Justos são os teus testemunhos para sempre; dá-me entendimento, para que eu viva.

145 Clamo de todo o meu coração; atende-me, Senhor! Eu guardarei os teus estatutos.

146 A ti clamo; salva-me, para que guarde os teus testemunhos.

147 Antecipo-me à alva da manhã e clamo; aguardo com esperança as tuas palavras.

148 Os meus olhos se antecipam às vigílias da noite, para que eu medite na tua palavra.

149 Ouve a minha voz, segundo a tua benignidade; vivifica-me, ó Senhor, segundo a tua justiça.

150 Aproximam-se os que me perseguem maliciosamente; andam afastados da tua lei.

151 Tu estás perto, Senhor, e todos os teus mandamentos são verdade.

152 Há muito sei eu dos teus testemunhos que os fundaste para sempre.

153 Olha para a minha aflição, e livra-me, pois não me esqueço da tua lei.

154 Pleiteia a minha causa, e resgata-me; vivifica-me segundo a tua palavra.

155 A salvação está longe dos ímpios, pois não buscam os teus estatutos.

156 Muitas são, Senhor, as tuas misericórdias; vivifica-me segundo os teus juízos.

157 Muitos são os meus perseguidores e os meus adversários, mas não me desvio dos teus testemunhos.

158 Vi os pérfidos, e me afligi, porque não guardam a tua palavra.

159 Considera como amo os teus preceitos; vivifica-me, Senhor, segundo a tua benignidade.

160 A soma da tua palavra é a verdade, e cada uma das tuas justas ordenanças dura para sempre.

161 Príncipes me perseguem sem causa, mas o meu coração teme as tuas palavras.

162 Regozijo-me com a tua palavra, como quem acha grande despojo.

163 Odeio e abomino a falsidade; amo, porém, a tua lei.

164 Sete vezes no dia te louvo pelas tuas justas ordenanças.

165 Muita paz têm os que amam a tua lei, e não há nada que os faça tropeçar.

166 Espero, Senhor, na tua salvação, e cumpro os teus mandamentos.

167 A minha alma observa os teus testemunhos; amo-os extremamente.

168 Observo os teus preceitos e os teus testemunhos, pois todos os meus caminhos estão diante de ti.

169 Chegue a ti o meu clamor, ó Senhor; dá-me entendimento conforme a tua palavra.

170 Chegue à tua presença a minha súplica; livra-me segundo a tua palavra.

171 Profiram louvor os meus lábios, pois me ensinas os teus estatutos.

172 Celebre a minha língua a tua palavra, pois todos os teus mandamentos são justos.

173 Esteja pronta a tua mão para me socorrer, pois escolhi os teus preceitos.

174 Anelo por tua salvação, ó Senhor; a tua lei é o meu prazer.

175 Que minha alma viva, para que te louve; ajudem-me as tuas ordenanças.

176 Desgarrei-me como ovelha perdida; busca o teu servo, pois não me esqueço dos teus mandamentos.

SALMO 118


A alegria dos justos pelo Salvador.


1 Dai graças ao Senhor, porque ele é bom; porque a sua benignidade dura para sempre.

2 Diga, pois, Israel: A sua benignidade dura para sempre.

3 Diga, pois, a casa de Arão: A sua benignidade dura para sempre.

4 Digam, pois, os que temem ao Senhor: A sua benignidade dura para sempre.

5 Do meio da angústia invoquei o Senhor; o Senhor me ouviu, e me pôs em um lugar largo.

6 O Senhor é por mim, não recearei; que me pode fazer o homem?

7 O Senhor é por mim entre os que me ajudam; pelo que verei cumprido o meu desejo sobre os que me odeiam.

8 É melhor refugiar-se no Senhor do que confiar no homem.

9 É melhor refugiar-se no Senhor do que confiar nos príncipes.

10 Todas as nações me cercaram, mas em nome do Senhor eu as exterminei.

11 Cercaram-me, sim, cercaram-me; mas em nome do Senhor eu as exterminei.

12 Cercaram-me como abelhas, mas apagaram-se como fogo de espinhos; pois em nome do Senhor as exterminei.

13 Com força me impeliste para me fazeres cair, mas o Senhor me ajudou.

14 O Senhor é a minha força e o meu cântico; tornou-se a minha salvação.

15 Nas tendas dos justos há jubiloso cântico de vitória; a destra do Senhor faz proezas.

16 A destra do Senhor se exalta, a destra do Senhor faz proezas.

17 Não morrerei, mas viverei, e contarei as obras do Senhor.

18 O Senhor castigou-me muito, mas não me entregou à morte.

19 Abre-me as portas da justiça, para que eu entre por elas e dê graças ao Senhor.

20 Esta é a porta do Senhor; por ela os justos entrarão.

21 Graças te dou porque me ouviste, e te tornaste a minha salvação.

22 A pedra que os edificadores rejeitaram, essa foi posta como pedra angular.

23 Foi o Senhor que fez isto e é maravilhoso aos nossos olhos.

24 Este é o dia que o Senhor fez; regozijemo-nos, e alegremo-nos nele.

25 ç Senhor, salva, nós te pedimos; ó Senhor, nós te pedimos, envia-nos a prosperidade.

26 Bendito aquele que vem em nome do Senhor; da casa do Senhor vos bendizemos.

27 O Senhor é Deus, e nos concede a luz; atai a vítima da festa com cordas às pontas do altar.

28 Tu és o meu Deus, e eu te darei graças; tu és o meu Deus, e eu te exaltarei.

29 Dai graças ao Senhor, porque ele é bom; porque a sua benignidade dura para sempre.

sexta-feira, 3 de setembro de 2010

"Um pouco de ciência nos afasta de Deus. Muito, nos aproxima."


"Ai de vós, doutores da lei, que tirastes a chave da ciência; vós mesmos não entrastes, e impedistes os que entravam." Lucas 11:52

Fato ocorrido em 1892, verdadeiro e integrante de biografia :

Um senhor de 70 anos viajava de trem tendo ao seu lado um jovem universitário, que lia o seu livro de ciências.

O senhor, por sua vez,lia um livro de capa preta.

Foi quando o jovem percebeu que se tratava da Bíblia, e estava aberta no livro de Marcos.

Sem muita cerimônia o jovem interrompeu a leitura do velho e perguntou:

- O senhor ainda acredita neste livro cheio de fábulas e crendices?

- Sim, mas não é um livro de crendices. É a Palavra de Deus. Estou errado?

- Mas é claro que está ! Creio que o senhor deveria estudar a História Universal. Veria que a Revolução Francesa, ocorrida há mais de 100 anos, mostrou a miopia da religião. Somente pessoas sem cultura ainda crêem que Deus tenha criado o mundo em seis dias. O senhor deveria conhecer um pouco mais sobre o que os nossos cientistas pensam e dizem sobre tudo isso.

- É mesmo? E o que pensam e dizem os nossos cientistas sobre a Bíblia ?

- Bem, respondeu o universitário, como vou descer na próxima estação, falta-me tempo agora, mas deixe o seu cartão que eu lhe enviarei o material pelo correio com a máxima urgência.

O velho então, cuidadosamente, abriu o bolso interno do paletó e deu o seu cartão ao universitário.

Quando o jovem leu o que estava escrito, saiu cabisbaixo sentindo-se pior que uma ameba.

No cartão estava escrito:

Professor Doutor Louis Pasteu
Diretor Geral do Instituto de Pesquisas Científicas da Universidade Nacional da França.

"Um pouco de ciência nos afasta de Deus. Muito, nos aproxima."
(Louis Pasteur)

Mensagem postada no grupo em 10/07/2007

Louis Pasteur, ilustre pesquisador francês que descobriu a vacina anti-rábica e impulsionou a criação do Instituto Pasteur de Paris e várias outras instituições, que receberam o mesmo nome, no mundo todo.

Louis Pasteur nasceu em Dôle, parte oriental da França, em 27 de dezembro de 1822.

Em 1847 completou seus estudos de doutorado na Escola de Física e Química em Paris.

Em 1848 foram anunciadas suas primeiras descobertas sobre assimetria dos cristais.

Em 1854 tornou-se Professor de Química e Reitor da Faculdade de Ciências de Lille.

Em 1857 iniciou manuscritos sobre a fermentação láctea e recebeu a medalha da Sociedade Real de Londres por seus estudos sobre cristalografia. Pasteur também pesquisou muito sobre a geração espontânea.

Em 1861 recebeu um prêmio da Academia de Ciências por seus estudos sobre fermentação.

Em 1865 iniciou estudos sobre o processo que mais tarde levaria seu nome - a pasteurização.

Em 1880 Pasteur começou seus estudos sobre a raiva, lançando no ano seguinte os primeiros manuscritos sobre essa zoonose.
Em 1881 publicou estudos sobre a vacina contra o antrax e contra a cólera aviária.

Em 1884 apresentou, em Copenhagen, um trabalho sobre "Patogenia microbiana e vacinas". Iniciou estudos sobre vacinação anti-rábica em animais.

Em 1885 efetuou o primeiro tratamento contra a raiva humana. Os primeiros pacientes foram Joseph Meister e Jean Baptiste Jupille.

Em 1886 obteve licença internacional para fundação do Instituto Pasteur, devotado ao estudo e tratamento de raiva, assim como a outros estudos microbiológicos.

Em 14 de novembro de 1888, o Instituto Pasteur de Paris foi inaugurado.

Em 1892 o Jubileu de Pasteur (70 anos) foi comemorado na Sorbonne de Paris, com grandes solenidades.

Louis Pasteur faleceu aos 73 anos, em 28 de setembro de 1895, em Chateau de Villeneuve l'Etang, perto de Paris.

Colaboração de Uma Amiga de Deus Rose Medeiros

quinta-feira, 2 de setembro de 2010

FOI O QUE SEMPRE PENSEI...


Que só o amor nos dá vida...nos fortalece...nos muda e nos faz sentir que tudo vale a pena...

Foi essa a palavra que Deus nos mandou no culto de hoje...

Amar a todos como a si mesmo...amar seu irmão...seu vizinho...seu amigo e inimigo também...pois esse sim com certeza precisa de muito amor.

Foi falado também sobre dar a mão ao seu irmão nas horas triste e de grande dificuldade...ser amigo...ajudar quem está em dificuldades...solitário...dar seu ombro para quem quiser chorar.

Quanto mais conheço a palavra mais percebo que apenas não sabia mas sempre fui uma cristã...não que seja perfeita...isso não...sei que tenho muito que melhorar...mudar...aprender...mas sempre fui honesta...amiga...fiel...apoiei muitas pessoas principalmente as que faziam parte de minha vida...todos que precisavam...os mais necessitados fracos e oprimidos...

Sei que falta muito para conhecer...muito a mudar...mas a cada culto fico feliz pois vivo de uma forma muito parecida com o que diz a PALAVRA...como ser humano...bom,digno do AMOR de Deus...quero ser sempre uma bênção para poder merecer cada vez mais o amor do meu PAI...

Obrigado meu querido Deus...eu te amo...tenho fé que um dia chegarei muito mais perto de TI em nome de Jesus...Amém.