Loading...
Loading...
Loading...
Loading...

UBE

Loading...
Loading...

Rosas pra você

Loading...

online

Loading...

ELE É...O MEU DEUS DO IMPOSSÍVEL...

Loading...

quinta-feira, 31 de março de 2011

Folhas secas...


"Irai-vos, e não pequeis; não se ponha o sol sobre a vossa ira." Efésios 4:26


Hoje, ao retornar para casa, percebi que eu precisava dedicar um pouco do meu tempo para retirar uma porção de folhas secas espalhadas pelo chão, pois estas estavam dando um ar de abandono a minha casa.

Aliás, folhas secas espalhadas pelo chão estão ligadas ao processo de renovação, o que a natureza faz com muita sabedoria.

Enquanto eu as varria um insistente vento as levava de volta, continuei persistindo por algum tempo, mas conclui que se não mudasse de estratégia apenas me cansaria e não atingiria meu objetivo.

Então comecei a varrer a favor do vento.


Que maravilha! Tudo começou a melhorar. Meu trabalho começou a render e logo todas as folhas estavam varridas.
Enquanto eu varria, comecei a comparar aquela situação, com nossa vida.

Quantas vezes deixamos acumular as folhas secas no jardim da nossa vida. Não eliminamos o que já não serve mais e quando tentamos excluir, somos surpreendidos pelo vento interno, o medo, levando os problemas de volta ao nosso âmago ou dificultando sua retirada.

Imaginei como seriam as pessoas se pudéssemos literalmente ver seu interior!

Tenho certeza que em muitas veríamos um jardim florido, cheio de borboletas voando por entre as flores, contudo outras pareceriam um emaranhado de entulhos.

No processo de renovação, na natureza, as folhas secas tem a função de virar adubo. Comparando esse processo à nossa vida, as folhas secas seriam os problemas, as angústias, as amarguras, as tristezas das quais precisamos nos livrar.

Mas as folhas secas de nossas vidas também virariam adubo?

De certa forma poderíamos dizer que sim, desde que elas se transformassem em experiências e nos fizessem crescer e nos transformar em pessoas melhores a cada dia.

Deste modo, cabe a cada um verificar seu jardim interno e fazer a manutenção que se fizer necessária.

Se ele estiver florido e bem cuidado, parabéns!

Contudo se verificar que precisa de cuidados, não espere que as ervas daninhas e as folhas secas tirem a sua beleza.

Tome uma atitude em favor da sua felicidade, da sua vida plena.

Se necessário for, mude de estratégia, crie novas possibilidades, mas investe em você.

Torne o jardim da sua vida um lugar agradável, cheio de colorido, onde os outros e especialmente VOCÊ, sinta muito prazer em viver e conviver.

Tire as folhas secas da sua vida.

Colaboração de um Amigo de Deus Margot von Hede

Nenhum comentário:

Postar um comentário

FIQUE A VONTADE,SUA OPINIÃO SÓ VAI MELHORAR ESSE BLOG.
OBRIGADO